“A Porta Amarela” da dupla de Gouveia Victor Frade e Leonel Vieito, foi a curta-metragem vencedora da OH! Kurtas! – 2ª Mostra de Curtas-metragens de Oliveira do Hospital, arrecadando o prémio de 200€.

“A Porta Amarela” venceu OH!Kurtas!

Escrita por um doente maníaco-depressivo numa das suas crises, a obra é – segundo nota informativa enviada ao diário online do Correio da Beira Serra – “um romance de cavalaria vivido para lá da porta amarela, “a porta da psiquiatria”.

À curta-metragem “Morphosys” foi atribuída a Menção Honrosa ou Prémio do Público OH! Kurtas!. Da autoria de Pedro Nuno Veloso, a curta retrata a saga de um “sanguinário tímido”, herói (ou vilão?) de BD criado pelo autor e transposto para a tela, nesta que é a segunda incursão nas curtas-metragens de Pedro Nuno Veloso.

A segunda edição da mostra de curtas-metragens organizada pela OHs. XXI – Associação Cultural e Multimédia de Oliveira do Hospital, decorreu na tarde de 15 de Dezembro no auditório da Caixa de Crédito da cidade.

Segundo a mesma nota, assistiram à OH!Kurtas! cerca de 40 pessoas, num período de quase cinco horas de cinema em “formato de bolso”. A Associação já dá como certa a realização da terceira edição em 2008.

LEIA TAMBÉM

Cid Teles, a cigarra do Triste Fado: Na imprensa. Autor: Renato Nunes

Se compulsarmos o arquivo de A Comarca de Arganil, que já foi parcialmente disponibilizado em …

Cid Teles, a cigarra do Triste Fado: Possíveis influências. Autor Renato Nunes

Não é fácil identificar as influências de um indivíduo. Ainda assim, o estudo dos seus …