Acidente mata jovem universitária

Acidente mata jovem universitária

Um acidente no IC2 causou ontem uma morte e um ferido grave, segundo avança o Correio da Manhã. Catarina Pelarigo, oriunda de Marrazes, Leiria, dirigia-se na estrada com destino a Coimbra, onde era estudante universitária, depois de ter passado o fim-de-semana em casa da mãe. A viagem terminou poucos quilómetros depois, em Boavista, quando o carro da jovem de 22 anos foi abalroado por outro veículo, que vinha em sentido contrário e em contra-mão.

O choque frontal ocorreu no momento em que a jovem ia a ultrapassar um camião, numa estrada que tinha duas faixas de rodagem no seu sentido, quando lhe surgiu um outro veículo em contra-mão. O embate foi de tal forma violento que o carro foi atirado para a berma. Catarina Pelarigo, filha única, frequentava a Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade de Coimbra, e teve morte imediata. O condutor do veículo que circulava em contra-mão, proveniente da Marinha Grande, de 58 anos, sofreu ferimentos graves e foi levado para o hospital de Leiria. Estava consciente quando saiu do local do acidente, mas não soube explicar por que razão saiu da sua via. Não eram visíveis marcas de travagem. O funeral da estudante ainda não está marcado.

LEIA TAMBÉM

IMT vai recorrer de decisão que declarou ilegal fecho de centro de inspecção automóvel de Seia

O Instituto de Mobilidade e Transportes (IMT) anunciou que vai recorrer das decisões judiciais que …

Dez detidos em Seia por tráfico de droga

A GNR de Gouveia deteve, entre os dias 1 e 3 de Setembro, oito homens …