ADI promove sorteio de Natal para atrair consumidores ao comércio local

… com a adesão de 75 comerciantes. Suportados pela Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, num total de 20 mil Euros, os prémios são um automóvel ligeiro de passageiros a gasolina, uma scooter, uma viagem à Madeira para duas pessoas (três noites MP), um computador portátil e um GPS (com mapas de Portugal e Espanha).

Com a reedição do Sorteio de Natal, a ADI espera “atrair os consumidores ao centro urbano de Oliveira do Hospital”, com o objectivo de – conforme nota de imprensa enviada ao correiodabeiraserra.com – “evitar a sua deslocação, nomeadamente, para as grandes superfícies comerciais localizadas fora da área do município”. A ADI destaca ainda o “papel relevante” da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, enquanto associada fundadora da Agência, ao suportar na íntegra os custos de aquisição dos prémios, do imposto respectivo e de outras despesas associadas à realização de um Sorteio de Natal, num montante de 20 mil Euros. “Assim vai ser possível criar um estímulo, que consideramos de extrema importância para a dinamização do comércio local, sem a correspondente necessidade de repercussão dos custos totais subjacentes à organização dessa iniciativa junto dos empresários, contribuindo dessa forma para a maximização dos seus rendimentos”, pode ler-se na referida nota.

Ao efectuarem compras no comércio local, os consumidores – como assegura a ADI – ficam ainda habilitados aos prémios do sorteio de âmbito distrital promovido pela ACIC – Associação Comercial e Industrial de Coimbra: um automóvel ligeiro de passageiros e duas viagens à Madeira.

Paralelamente, a ADI vai promover a sonorização do centro urbano de Oliveira do Hospital, de 1 de Dezembro a 6 de Janeiro de 2009, e a realização de algumas acções de animação durante o próximo mês.

LEIA TAMBÉM

Ano de 2017 foi o melhor de sempre para o turismo no Centro de Portugal

O ano de 2017 foi o melhor de sempre para a atividade turística no Centro …

PSA anuncia produção de carros de lazer na fábrica de Mangualde

Depois de ameaçar encerrar a produção em Portugal, o grupo francês PSA aumenta a pressão …