Alexandrino acusou anteriores executivos de não terem aproveitado fundos comunitários na inauguração do renovado Mercado Municipal de Oliveira do Hospital e da nova Central de Camionagem

Alexandrino acusou anteriores executivos de não terem aproveitado fundos comunitários para renovação do mercado Municipal de Oliveira do Hospital

“O mercado que tínhamos estava morto. Não tinha poder de atracção. Hoje temos aqui dois equipamentos modernos”. O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital definiu assim, hoje, durante a inauguração oficial do renovado Mercado Municipal de Oliveira do Hospital e da nova Central de Camionagem, a necessidade e importância destes dois novos equipamentos para a cidade, nos quais foram “investidos cerca de 900 mil euros, exclusivamente suportados pelo município”. O autarca acusou mesmo os anteriores executivos de não terem pedido fundos comunitários para a construção destes espaços numa altura em que era fácil obter apoios. “Há quem afirme no seio da oposição que este executivo só faz festas, porém, no passado, os mesmos não souberam pedir fundos comunitários, quando era fácil, para estes projectos”, disse, adiantando ainda que há coisas a melhorar e que é necessário criar mecanismos de animação para atrair mais pessoas.

IMG_4809 (Small)O autarca explicou que apenas não realizou a inauguração no dia do feriado municipal (dia 7), porque, no seu entender, era importante a presença da presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), Ana Abrunhosa, que compareceu e descerrou a placa alusiva ao momento. José Carlos Alexandrino referiu ainda que Ana Abrunhosa sempre mostrou uma grande disponibilidade para ajudar os centros de menor densidade populacional e aproveitou para deixar um apelo à responsável pela CCDRC. “Se puder nas negociações em Bruxelas ajude-nos a combater esta injustiça que é a não construção do IC6 e IC7”, rematou.

IMG_4812 (Small)Alexandrino lembrou ainda que durante este espaço de tempo (a remodelação IMG_4817 (Small)demorou um ano mais que o prazo previsto), a autarquia teve o cuidado de encontrar um espaço provisório para acolher os comerciantes, quando, frisou, poderia apenas encerrar, uma vez que “os contractos se encontravam todos caducados. “E agora na recolocação foi-lhes dada prioridade”, frisou.

Ana Abrunhosa observou que mais importante que construir este tipo de espaços é a sua manutenção. “É preciso procurar formas de os promover, criando animação”, explicou, adiantando que está convicta que o município de Oliveira do Hospital reúne condições para tirar partido do novo Quadro Comunitário de Apoio. “Pode beneficiar dos fundos disponíveis”, frisou, prometendo apoiar de “forma prioritária os centros de baixa densidade”.IMG_4824 (Small)

A terminar realizaram uma visita pelas instalações, onde decorria uma edição especial da Mostra de Produtos Biológicos e Agrícolas em Modo de Produção Tradicional de Oliveira do Hospital – “Da Nossa Terra”, uma iniciativa que permite aos agricultores e produtores vender os seus produtos frescos, genuínos e de qualidade, vindos directamente ‘da terra’ para as bancas.

 

LEIA TAMBÉM

Caça praticamente proibida no concelho de Oliveira do Hospital até Maio de 2018

A caça está proibida até 31 de Maio de 2018 nas zonas consumidas pelos fogos, …

Capoula Santos apresentou em Oliveira do Hospital novas medidas de apoio aos agricultores afectados pelos fogos

O Ministro da Agricultura apresentou, ontem, em Oliveira do Hospital, as novas medidas de apoio …

  • Odorico Paraguaçú

    Ei Prefeito você se actualiza meu irmão. Então o Costa diz que não entra em comboios nem quer compromissos com o passado. PS saiu do governo faz três anos meu irmão. O Prefeito tá no lugar faz cinco. Você tá falando de que passado, cara? Se actualiza meu irmão.Você gosta mesmo é de festas.Faz cinco vezes tá fazendo esta inuguração e com um ano de atraso…Mentche prá gente não. Tá? 5 anos não pediu os fundos porquê, cara..? Isso vai dar animação pra cacete…

    • Zeca Diabo

      Anda tão desorientado, que até se esquece que já lá está a fazer asneiras há cinco anos.
      900 mil que custou? Porra, não vale 400 mil.

  • Fantasma do Lopes

    “Mordam” bem o olhar desconfiado e preocupado do Alex..! Anda à minha procura..! Ontem apanhei-o a fazer de motorista,levou uma seca das antigas. Esta coisa das CAFs, (Componente de Apoio à Família)anda a tirar-lhes o sono. Mentem, inventam, deturpam fazem actas inventadas,andam mesmo de cabeça perdida. Isto de ser Fantasma tem as suas vantagens…ficamos invisíveis e vemos tudo…Alerta à navegação: Drª.Graça Silva: fique no seu canto e não ande a comprar/gerir guerras alheias. O estado de graça, não dura sempre..! Fantasma avisa..! Quem não quer ser lobo não lhe vista a pele…deixe o trabalho de “bombeiro” para os ditos…

  • Fantasma do Lopes

    Reparem no Daniel, lá atrás.Sempre de olho no telemóvel /barra CBS. Guardar o CBS virou uma obsessão. Até nos funerais estão sempre de olho no “paskim”..!

  • Combate

    BREVEMENTE NUMA CÂMARA PERTO DE SI !!!

    O presidente da Câmara de Macedo de Cavaleiros, Duarte Moreno, foi
    condenado esta sexta-feira a três anos de prisão, com pena suspensa e
    perda de mandato e impedimento de se candidatar a novos cargos, mas sem feitos imediatos.

    As penas acessórias só serão aplicadas quando e se a sentença transitar em julgado, como explicou o juiz presidente do coletivo.

    No mesmo processo foi ainda condenado a um ano e meio de prisão e a pagar
    30 mil euros de indemnização ao município José Espírito Santo, que
    construiu uma moradia conhecida como “Curriça de Luxo”, em vez de um
    armazém agrícola.

    “Isto ainda não terminou, vamos recorrer da decisão”, foram as únicas palavras do autarca à comunicação social.

    O advogado de defesa, Carlos Moura Alves, explicou que se a decisão
    judicial fosse imediatamente aplicada o presidente da Câmara de Macedo
    de Cavaleiros perderia o atual mandato e estaria impedido de se
    candidatar a qualquer cargo político nos próximos quatro anos.

    A decisão só será no entanto aplicada quando transitar em julgado.

    2

  • fantasma

    Ó fantasma não serás tu quem anda a ver sombras e a achar que és mais importante do que aquilo que és? Olha lá bem para a foto e vê lá se é mesmo o Daniel. Andas obcecado! A vontade de dizer mal é tanta!

  • Fantasma do Lopes

    Não é..? Não me digas que já estão como o Sadam…já arranjaram sósias..? Para mim é o Daniel…acompanhado de quem está, nem tive dúvidas. Continuo a não ter..!Não é o que está de Costas. Esse é o Miguel Ventura. O Daniel tem gémeo..? O que é que o eventual defeito de visão tem a ver com importância..? Egomania..?

  • fantasma

    Ó fantasma vê lá bem! Eu sei que nao é de costas. Tira a maledicência que tens à frente dos olhos! Talvez vejas melhor. Mas agora era a vez do Daniel não era? Ao ponto que chegas.

  • Fantasma do Lopes

    Não é? Não é .Fica assim. Para mim é. Mas pronto “as aparências iludem”. Essa conversa porquê? O Daniel é santo? Pode não ser tão diabo quanto alguns.Tanto quanto sei é dos principais responsáveis políticos. Se está caladinho é tão responsável como os outros. Sendo mais responsável e é , até porque é adjunto da desgraça,também tem mais responsabilidades…Isto, para já. Daqui a uns tempos falamos. Confundir uma pessoa, se é que confundi,penso que não, é maledicência..? É como digo vêem fantasmas em todo o lado. E o “motorista” que levou a seca à espera que acabasse uma certa reunião..? Ou vi mal, outra vez..? E o que fazia a pessoa esperada naquela reunião? Era parte? Como a coisa anda…