Alexandrino assinou acordos para combater a “seca” em Aldeia das Dez

 

Ainda que o vento insistisse em brindar os populares com o mau odor proveniente das fossas que servem a sede de freguesia, não foi ontem que Aldeia das Dez ouviu o presidente da Câmara Municipal garantir que o problema dos esgotos vai ser resolvido.

“Este cheiro que aqui está é uma vergonha”, admitiu ontem José Carlos Alexandrino num sessão que começou com quase uma hora de atraso, informando a população de que, por falta de financiamento a empresa Águas do Zêzere e Côa não tem condições para avançar com a imediata resolução do problema.

“A certeza que me foi dada é de que só em 2013, mas eu disse que até ao primeiro trimestre de 2012 temos que ter o problema resolvido”, adiantou o autarca que, reconhecendo os malefícios da situação “não há turismo que resista ao mau cheiro”, frisou – assegurou que será “um homem empenhado na resolução de um problema que envergonha o concelho”.

Mas foi para colocar um ponto final à “seca” que tem assolado a freguesia que José Carlos Alexandrino foi a Aldeia das Dez. Com o projeto de requalificação do Centro Histórico e a adesão à Rede das Aldeias do Xisto, num investimento de 165 mil euros, a servirem de mote à cerimónia, o presidente da Câmara Municipal integrou Aldeia das Dez no grupo das quatro freguesias (Seixo da Beira, Lajeosa, Aldeia das Dez e Lourosa) que considera prioritárias.

 

Defensor de um “tratamento igual” para com todos os presidentes de Junta de Freguesia, Alexandrino realçou o aumento da verba transferida para a Junta de Freguesia local e que se cifrou em 27 648 Euros, contra os 23 100 transferidos em 2010. “Com 27 mil euros não se pode virar Aldeia das Dez, mas a presidente da Junta não precisa de andar de chapéu na mão, porque tem lá esse dinheiro para realizar obras”, afirmou, garantindo que a postura do seu executivo é de “apoio efetivo às associações e às Juntas de Freguesia”.

Apesar da contenção financeira que está a ser exigida ao país e ao município – “em 2012 vamos ter menos três milhões de euros”, lembrou – José Carlos Alexandrino assegurou continuar a fazer obra, ainda que de forma “mais responsável e competente”. Lembrou o investimento de um milhão e 500 mi Euros efetuado na freguesia de Aldeia das Dez, dos quais 1 154 000 euros foram absorvidos pela estrada que liga a sede de freguesia a Vale de Maceira.

O potencial turístico da freguesia foi também reconhecido pelo vice-presidente do município que partilhou a sua satisfação pela integração de Aldeia das Dez na Rede das Aldeias do Xisto. “Foi das primeiras decisões que tomámos quando chegámos à Câmara Municipal”, partilhou José Francisco Rolo, lamentando que “só em 2011 tenha sido possível meter uma aldeia de Oliveira do Hospital na rede das Aldeias do Xisto”.

 

Dando conta da intenção de transformar a praia fluvial de Alvôco de Várzeas em praia do xisto e da candidatura da casa do S a loja do xisto, o

vice-presidente da autarquia destacou a preocupação do município com as questões ambientais e exemplificou com o projeto de reflorestação de que tem vindo a ser alvo o perímetro florestal de Nossa Senhora das Necessidades.

Ainda que reconhecendo que “já muito foi feito”, a presidente da Junta de Freguesia de Aldeia das Dez não deixou de enumerar os “espinhos” que continuam a persistir na freguesia.

O deficiente tratamento de esgotos, a necessidade de substituição da rede de abastecimento de água e falta de um salão que sirva a freguesia foram alguns dos pontos negros identificados por Sónia Madeira, que também alertou para a necessidade de valorização do Solar Pina Ferraz e Casa da Obra.

No exercício do seu primeiro mandato na presidência da Junta de Freguesia, a eleita pelo PSD revelou-se empenhada na tarefa que tem vindo a realizar. “Eu não sou de desistir”, frisou, explicando que já aprendeu a “com pouco, fazer muito”.

LEIA TAMBÉM

Cemitério de Nogueira do Cravo vai ser ampliado

A Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital aprovou na sexta-feira o alargamento do cemitério de …

LMAN promove “peregrinação” ao Santuário de Nossa senhora das Preces em Vale de Maceira

A Liga de Melhoramentos Desporto e Cultura de Aldeia de Nogueira (LMAN) vai realizar no …