Alvôco de Várzeas: Socialista votou contra orçamento e desafiou presidente de Junta a “mostrar o que vale”

… e criem condições para a fixação de população na freguesia. Em reunião de 20 de Dezembro, José Andrade – conforme nota de imprensa enviada ao correiodabeiraserra.com – desafiou o presidente da Junta a “mostrar o que vale”, não deixando também de se posicionar contra o facto de Alvôco de Várzeas não fazer parte do grupo de freguesias candidatas à rede das Aldeias de Xisto.

Sem deixar de destacar a obra feita pelo actual executivo, como a reconstrução do Açude da Volta entre outros trabalhos a que se referiu, o eleito socialista na Assembleia de Freguesia de Alvôco de Várzeas apontou o dedo ao facto de ainda não terem sido criadas condições para a fixação da população.

Na reunião de 20 de Dezembro, o eleito desafiou o presidente a “mostrar o que vale” e insistir junto do presidente da Câmara para a concretização das promessas feitas. Andrade incita ainda Luís Sousa a – em caso de falta de resposta da Câmara – a “usar pela primeira vez da palavra, na Assembleia Municipal e exercer o seu poder reivindicativo”.

Destacando outras obras que carecem de realização – como a criação de uma biblioteca/ludoteca, com postos públicos de acesso à Internet, entre outros – José Andrade disse aguardar pela sua concretização, esperando que não se transformem “numa miragem e sejam remetidas para as calendas”. A Luís Sousa, o socialista perguntou ainda pelo grau de execução de outras promessas no que respeita ao levantamento que estava em curso para se encontrar a melhor solução para o calcetamento de algumas ruas da freguesia.

“Num golpe de magia…transformam o granito em Xisto”

À última Assembleia de Freguesia realizada em Alvôco de Várzeas, José Andrade levou ainda a questão relacionada com a candidatura de Bobadela, Avô, Aldeia das Dez e Lourosa à Rede das Aldeias de Xisto, no âmbito do Programa de Valorização Económica dos Recursos Endógenos.

O socialista manifestou-se descontente com o posicionamento da Câmara Municipal, nas pessoas de Mário Alves e Paulo Rocha que “decorridos nove anos tentam desesperadamente apanhar a última carruagem do comboio, agora a circular a alta velocidade, que outras Câmaras haviam apanhado, no seu início em 1999”. “Portanto” – adiantou – “ainda na estação e, num golpe de magia, qual “milagre das rosas”, transformam o granito em xisto, ao classificarem Avô, Bobadela e Aldeia das Dez, onde o granito é Rei, tendo deliberadamente votado Alvôco ao ostracismo”.

Neste domínio, Andrade desafiou o presidente da Junta a mostrar a sua insatisfação e descontentamento “por tão estranho e inexplicável esquecimento”.

Na reunião de 20 de Dezembro, José Andrade votou contra o Orçamento da Receita e da Despesa e Grandes Opções do Plano, apresentados pela autarquia para 2009. Para o socialista, os documentos propostos “não são mais do que uma repetição dos anteriores, apenas inflacionados, pincelados aqui e ali, com alguma cosmética, que não são para cumprir, tal como em anos anteriores”.

LEIA TAMBÉM

“O presidente diz que Oliveira está na moda. Adarnela só se for na moda da idade da pedra. Não tem água, nem saneamento”

Quem chega a Adarnela, no concelho de Oliveira do Hospital encontra uma localidade dividida entre …

Cemitério de Nogueira do Cravo vai ser ampliado

A Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital aprovou na sexta-feira o alargamento do cemitério de …