António Duarte entra na corrida pela liderança do PSD

 

… que se prepara para anunciar, em conferência de imprensa, na próxima segunda-feira.

É oficial. António Duarte é candidato à presidência da Comissão Política de Secção do PSD de Oliveira do Hospital que vai a votos no próximo dia 8 de junho. O nome do destacado social-democrata já consta de uma carta aberta dirigida aos militantes e, através da qual, António Duarte apela ao voto na sua lista – Lista A – e explica os motivos da sua decisão, arredada que está a possibilidade de recandidatura da atual presidente do partido, Sandra Fidalgo.

“Acredito ser possível reconquistar a Câmara Municipal para o PSD, vencendo as próximas eleições autárquicas”, assume António Duarte que, perante “o fraco desempenho deste executivo socialista” acredita que “os oliveirenses vão optar conscientemente pela mudança”.

Para além de se mover por aquele que é o desígnio maior de devolver a Câmara ao PSD – “este foi e será sempre um concelho social democrata”, sublinha – António Duarte lembra que na hora de se decidir pela recandidatura pesou o facto de ter conseguido mobilizar “um conjunto de militantes jovens, mas experientes” e de “conhecer bem o concelho e em particular os militantes e simpatizantes do partido”.

“Ajudei a concretizar com êxito inúmeros atos eleitorais e sei que a grande maioria das nossas gentes se revê nos princípios do nosso partido”, lembra Duarte, que se regozija pelo facto de o partido dispor dos “melhores recursos humanos” e que vão ajudar a futura CPS a construir “um PSD maior” e a “vencer os próximos desafios”.

Na corrida pela presidência da Comissão Política de Secção do PSD oliveirense, António Duarte surge no topo de uma lista reveladora do trabalho de união conseguido pela anterior estrutura, havendo a registar a presença de Rui Abrantes, Nuno Marques, Rui Fernandes e Elsa Correia, até aqui ligados ao ex social-democrata Paulo Rocha. Nuno Caetano surge no segundo lugar da lista, logo seguido por Rui Abrantes e Nuno Marques.

O conhecido médico Abílio Vales recandidata-se à presidência da Mesa da Assembleia da Secção, acompanhado por António Inácio e Diamantino Estevão. De saída da Comissão Política de Secção, a ainda presidente Sandra Fidalgo surge como mandatária da lista de António Duarte.

Destacado militante social-democrata, António Duarte é até ao momento o único candidato à Comissão Política de Secção do PSD. Pela frente tem a dura tarefa de continuar a unir o partido das fraturas que tiveram início na primavera de 2006, que conduziram à divisão do PSD e ao desaire obtido nas últimas eleições autárquicas. Juntar a família PSD num único projeto político e torná-lo ganhador em 2013 é o desafio que se coloca a António Duarte.

LEIA TAMBÉM

Oliveirense Paulo Campos entre ex-governantes de Sócrates sob escuta e pode vir a ser constituído arguido

O processo que investiga Parcerias Público-Privadas Rodoviárias, ao fim de sete anos, está na recta final …

Rui Rio chocado com o que encontrou no Centro de Saúde de Oliveira do Hospital

O líder do PSD ficou estupefacto com o estado que encontrou no Centro de Saúde …