As memórias da rádio no Politécnico da Guarda

O Instituto Politécnico da Guarda (IPG) promove, de 13 de Fevereiro a 27 de Março, a exposição “Rádio e Memórias”, que irá decorrer na Biblioteca Geral daquela instituição, é composta por vários modelos de receptores de rádio e outros equipamentos alusivos à actividade radiofónica.

O IPG, com esta iniciativa, pretende assinalar o Dia Mundial da Rádio (comemorado a 13 de Fevereiro), mostrando antigos equipamentos relacionados com a produção ou recepção das emissões hertzianas.

O  Dia Mundial da Rádio, que este ano tem por tema “Juventude e Rádio”, recorde-se, foi lançado no final 2011 pela Unesco. A data escolhida de 13 de Fevereiro, prende-se com momento em que, em 1946, foi pela primeira vez emitida para um grupo de seis países em 1946 a United Nations Rádio. Mas o dia 30 de Outubro esteve também muito perto de ser escolhido, por assinalar o mais notável evento radiofónico de sempre: o dia em que Orson Welles anunciou aos microfones nos Estados Unidos a “Guerra dos Mundos”. O programa emitido em 1938, assinado pelo realizador de “Citizen Kane”, porém, não reuniu o consenso dos mais de 1.200 membros do conselho executivo da Unesco, e acabou por ser aprovado dia 13 de Fevereiro de 1946.

 

LEIA TAMBÉM

Cid Teles, a cigarra do Triste Fado: Possíveis influências. Autor Renato Nunes

Não é fácil identificar as influências de um indivíduo. Ainda assim, o estudo dos seus …

Cid Teles, a cigarra do Triste Fado: As origens. Autor: Renato Nunes

O poeta que inspira estas palavras nasceu em 8 de Março de 1911, em Tábua, …