O presidente da Câmara de Gouveia, Álvaro Amaro, já veio a público pronunciar-se contra a “aliança” feita entre os concelhos de Seia e Oliveira do Hospital a propósito da escolha dos traçados dos Itinerários complementares (IC) 6,7 e 37 que o Ministério das Obras Públicas colocou em discussão pública, e cujos estiveram recentemente em debate, numa iniciativa organizada pelo Núcleo de Desenvolvimento Empresarial do Interior e Beiras (NDEIB) e que contou com a presença do secretário de Estado das Obras Públicas e das Comunicações, Paulo Campos, e ainda de vários autarcas da região.

Autarca de Gouveia “incomodado” com aliança entre Seia e Oliveira do Hospital

Para Álvaro Amaro, segundo refere uma notícia do semanário “Notícias de Gouveia”, deveria haver uma união entre Seia e Gouveia em matéria de acessibilidades, já que – na opinião daquele autarca social-democrata – isso poderia funcionar “como contraponto ao lado de lá da serra, que tem sido muito mais favorecido” ao nível das acessibilidades.

Adepto da solução que implicaria a construção dos túneis, já que em sua óptica esse cenário – já rejeitado pela maioria dos autarcas da região – aproximaria os dois lados da serra e iria de encontro aos interesses de Gouveia, Manteigas e Seia, o que Álvaro Amaro nem sequer quer ouvir falar é na possibilidade de o IC 37, entre Viseu e Seia, ficar com o nó de ligação nas proximidades de Torroselo, concelho de Seia, e não nas proximidades do concelho de Gouveia, conforme se prevê em dois dos três estudos apresentados pelo Governo. Esse é o cenário “mais negro”, considera o autarca do PSD, citado pelo semanário de Gouveia.

Sublinhe-se que no debate em que Paulo Campos recentemente participou, Álvaro Amaro não esteve presente, mas o seu vereador, Luís Tadeu, mostrou o descontentamento da autarquia de Gouveia quanto à possibilidade de o Governo vir a escolher os traçados que mereceram concordância a Oliveira do Hospital, Seia, Nelas e Carregal do Sal.

LEIA TAMBÉM

Câmara Municipal de Seia promove incentivos à criação de emprego e ao investimento.

Município de Seia disponibiliza 100 mil euros para prioridades definidas pelos munícipes

A Câmara Municipal de Seia alocou uma verba de 100 mil euros para o orçamento …

Turistrela tem anteprojecto para colmatar problema do corte de estradas de acesso à Torre

Turistrela concluiu um anteprojecto para a instalação de três telecabinas na Serra da Estrela, iniciativa …