Benfica venceu Taça Hugo dos Santos em Oliveira do Hospital

Num jogo fortemente disputado, o Benfica venceu ontem a Académica – no sábado derrotou o CAB Madeira por 84/68 – por 85-74 e conquistou, pelo segundo ano consecutivo, a taça Hugo dos Santos, que se disputou este fim de semana em Oliveira do Hospital, numa organização conjunta da Federação Portuguesa de Basquetebol, Câmara Municipal de Oliveira do Hospital e Sampaense Basket.

Organizado em Oliveira do Hospital para homenagear o falecido general oliveirense que presidiu à FPB e, ao mesmo tempo, “dar vida à cidade”, o evento desportivo transformou o concelho na capital do basquetebol atraindo muita gente ao pavilhão municipal, onde decorreram os três jogos, dois dos quais – o primeiro e a final – com exibição via Sport TV.

No final do jogo de ontem, onde, pese embora a superioridade evidenciada pelo Benfica, a Académica mostrou-se forte sempre em busca de soluções – veja aqui o resumo do jogo – o presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital fez um balanço positivo do evento desportivo.

“Foi conseguido o objetivo de dar vida à cidade”, referiu José Carlos Alexandrino, valorizando também o facto de a partir de Oliveira do Hospital ter sido exibido “um espetáculo de basquetebol que é o máximo em Portugal”. “Dentro das regras do fairplay e do desportivismo acho que tivemos aqui uma grande jornada, com o concelho de Oliveira do Hospital a ser vendido para o país”, registou o presidente, reiterando a clara aposta do executivo que dirige em continuar a “impor Oliveira do Hospital como destino turístico”.

À frente do concelho onde nasceu Hugo dos Santos e com forte tradição na modalidade decorrente da participação do Sampaense Basket na Liga Profissional de Basquetebol, José Carlos Alexandrino acredita que a Taça possa voltar a ter realização no concelho já nos próximos anos.

“Neste momento estão reunidas as condições para continuar a fazer homenagem ao general Hugo dos Santos nos próximos três ou quatro anos”, disse o presidente dando conta da satisfação da Federação no que respeita à organização da prova em Oliveira do Hospital. Por outro lado, Alexandrino regista o reduzido investimento tido pelo município na organização da Taça em Oliveira do Hospital, fruto da “forte parceria”  estabelecida com o Crédito Agrícola oliveirense que “suportou parte dos custos”.

Para além do espetáculo profissional de basquetebol, a Taça Hugo dos Santos possibilitou ainda o convívio mini basket promovido pelo Sampaense Basket e o envolvimento de grupos concelhios que animaram aquele evento desportivo, com destaque para o grupo de ginástica de Oliveira do Hospital que marcou presença no intervalo do jogo da final.

LEIA TAMBÉM

O Bava da Bola

Um tal Bava, Zeinal de primeiro nome, foi presidente executivo durante anos da PT. Em …

Aquela máquina…

Dois golos de Cristiano Ronaldo e um de André Silva asseguraram a vitória de Portugal …