BLC3 e microempresa desenvolvem projeto de investigação na área de toxicologia de fungos

A BLC3 em parceria com uma microempresa e jovens empreendedores – iFungHealth -, que se instalaram na Incubadora da BLC3, viram aprovado pelo QREN um projeto para desenvolvimento de um sistema seguro e dinâmico para diminuir os problemas associados a intoxicações por consumo de cogumelos silvestres.

Este projeto que tem como parceiros a Escola Superior de Gestão e Tecnologia de Oliveira do Hospital, ESTGOH, e a Universidade de Coimbra é o primeiro projeto aprovado de investigação em que a ESTGOH é um parceiro ativo no seu desenvolvimento e que se envolve simultaneamente com o tecido empresarial e tecnológico.

Este projeto nasce no âmbito de um conhecimento científico que tem vindo a ser desenvolvido pela iFungHealth na temática de toxicidade de cogumelos, que permitiu identificar o seu potencial valor aliado ao já existente protocolo de criação da unidade de investigação de bio-informática entre a BLC3 e a ESTGOH em outubro de 2012.

“É já o primeiro fruto da unidade de investigação de Bio-informática, estando ainda em curso outros projetos e trabalhos”, informa a BLC3 em comunicado, considerando tratar- se de “um importante projeto para a região que demonstra a dinâmica continuada da BLC3 com jovens empreendedores e projetos de desenvolvimento tecnológico de ponta, em que junta também a escola de ensino superior da região e unidades de investigação fundamental da Universidade de Coimbra e de suporte ao desenvolvimento do projeto”. Para os responsáveis pela plataforma o projeto “representa uma nova realidade empresarial e de maximização de recursos e meios”.

O projeto de investigação será realizado até junho de 2015 e representa um investimento de 452 mil Euros.

LEIA TAMBÉM

Incêndios causaram mais de 10 milhões de euros de prejuízos em Seia

Os prejuízos financeiros causados pelos incêndios dos dias 15, 16 e 17 de Outubro no …

idosos

Idoso desaparecido em Trancoso

Os Bombeiros e a GNR estão a procurar um homem de 90 anos que foi …