Bombeiros Voluntários de Oliveira do Hospital indignados com declarações do comandante da corporação

Elementos dos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Hospital estão indignados com as declarações que o comandante da corporação terá proferido na notícia intitulada “Bombeiros Voluntários assinalam aniversário em clima de paz” publicada no Diário de Coimbra de 22 de Março de 2015. Segundo essa notícia, o comandante da corporação de Oliveira do Hospital terá dito que “o quartel tem que ter condições, mas não é nenhum hotel”, referindo ainda que “se todas as corporações estivessem como” a de Oliveira do Hospital “o país estaria bem”. Vários bombeiros garantiram ao CBS que as palavras do comandante Emídio Camacho não revelam a realidade do estado das instalações da instituição que consideram “não ter as mínimas condições”.

11130694_948843458468912_1344404559_nOs bombeiros dizem não querer as condições de um hotel, mas, explicam, pretendem “condições dignas para a corporação”. Estes elementos garantem ainda que a corporação tem “uma saudável situação económica e reservas monetárias”, o que, no seu entender, é mais uma razão para “não se compreender como é que as instalações chegaram ao ponto em que se encontram”. “A estrutura foi inaugurada em 1994 e, com a excepção de uma pintura exterior, nunca sofreu qualquer tipo de obra. Está num estado lastimável”, acusam.

“A corporação está equipada com bom material de auxílio às populações, mas, no que toca às condições físicas, não 11120060_948843451802246_927325510_npodemos dizer o mesmo”, acusam, referindo mesmo que as obras que foram realizadas recentemente apenas atingiram zonas que foram visitadas no dia do aniversário. “Talvez para que o Secretário de Estado, entre outros convidados ilustres, não tivessem noção do verdadeiro estado das instalações”, dizem, sublinhando, que a colocação de casas de banho amovíveis no exterior do quartel, no dia do aniversário, evitou que os visitantes vissem como estão os sanitários do quartel.

11148882_948843455135579_213661551_n“Há quem diga que somos bem remunerados, mas quem estiver disponível para vir fazer uma noite nestas condições, abdicando da família, por cinco euros, tendo no dia seguinte de estar no local de trabalho, que se junte a nós”, frisam estes elementos da corporação dos Bombeiros Voluntários de Oliveira do Hospital, antes de elogiarem a prática seguida por outras instituições. “É de louvar que corpos sociais de outras corporações com pouco dinheiro façam obra, e nós temos o que está à vista de todos”, rematam.

LEIA TAMBÉM

Incêndio

Anda tudo a gozar connosco!!! Autor: Luís Lagos

Anda tudo a gozar connosco!!! Eu estou absolutamente farto!!! Fartinho!!! Haverá quem leia este post …

Marcelo Rebelo de Sousa visita Zona Industrial de Oliveira do Hospital devastada pelos incêndios

O Presidente da República já está em Oliveira do Hospital e visitou a zona industrial que …

  • Sir. Agulheta

    Façam como o artista de São Gião, mandem fazer as obras, pagar, depois alguém paga. Não é o nosso presidente que diz que não há oliveirenses de primeira e oliveirenses de segunda? Haja igualdade nas instituições, e nos subsídios….

  • Toca a embarecar

    Mais um que “embarcou”.

  • Volta Mário

    ——-O vereador Mário Alves explicou que solicitou a relação em causa por saber que “há pessoas que têm telemóveis que não têm que ter, nem devem ter”, salientando que, “são aspetos que parecendo minudências, são extremamente importantes para demonstrar a transparência de quem governa a quem é governado”.

    Sobre o assunto, o Presidente da Câmara admitiu que, como todos os outros, também poderá cometer erros e assumir opções erradas, no entanto procura sempre evoluir positivamente, dando conta que o atual contrato inclui um “plafond” máximo de chamadas por cartão. .É tudo a BEM da NAÇÃO…o Povo é que paga.VOLTA MÀRIO

  • Politicalex

    O que é que se passa com os soldados da paz..? Parece que têm que chamar os bombeiros porque, dizem-me, aquilo está fogo..! Vamos manter a calma. Fazer um esforço para dar um jeito nas instalações e, acima de tudo, não deitar “gasolina na fogueira”. Que são pessoal para se sacrificar, estão fartos de dar provas. Agora ouvir que querem hotel, é capaz de custar a ouvir… Vá lá. Um pouco de moderação, outro pouco de boa vontade a resolver o problema e mais um pouco de sacrificio até se resolver. Proposta do Politicalex.Vale..? Uma sugestão é fazerem a EXPOH sem aqueles artistas caros, e poupar para as obras. Vale..?

    • Robin dos Bosques

      Poupar para obras?! Com um saldo astronómico é moralmente correcto pedir fundos a outrem para obras? Então e o saldo da instituição, serve para quê? Para wc´s amovíveis? O problema não são os artistas caros, o problema são os artistas cá do burgo e das imediações, esses sim, saem bem caro!

  • Terapia de Choque

    Curioso, segundo a RDB a notícia veio do exterior, tudo pessoal que quer inflamar…Mas o mais curioso é que as fotos são do interior…Será que estranhos já entram ao serviço? Ou não serão os próprios soldados da paz que, vá-se lá saber porque motivos, já estão fartos dos órgãos sociais da corporação? O PS também era bom, que o diga o ex-presidente da Assembleia Municipal, também pregava com eles…Talvez estes, como o senhor ex-presidente da AM fez com o PS, tenham aberto os olhos…Agora, política e instituições de conveniência, não obrigado. Revoluções fazem-se por ideais, não com amizades, caso contrário, não coramos a doença apenas lhe alteramos o nome….!