Boom Festival demarca-se de ligação a actividades com droga

“Boom Festival” demarca-se de ligação a actividades com droga

A organização do Boom Festival, que decorreu em Idanha-a-Nova, de 4 a 11 de Agosto, rejeitou hoje, em comunicado, a eventual ligação deste evento “a qualquer tipo de actividade com substâncias ilícitas”.

Um comunicado recorda que durante o Boom Festival se verificaram várias notícias sobre “apreensões de estupefacientes e detenções relacionadas com a posse de substâncias ilícitas no distrito de Castelo Branco” e que as mesmas faziam “constante referência ao Boom Festival como origem e destino das mesmas”, motivo pelo qual a organização apresenta, agora, em quatro pontos, esclarecimentos que rejeitam a ideia de uma associação entre o evento e essas situações.

A organização refuta “inequivocamente uma eventual ligação do Boom Festival a qualquer tipo de substâncias ilícitas, à promoção do seu uso ou a qualquer tipo de actividade ilegal relacionada com as mesmas”, além de repudiar “qualquer associação gratuita e intencional entre o Boom Festival e o consumo de estupefacientes”. Para a organização, essa ligação de ideias apenas se pode “fundamentar em preconceitos e desconhecimento sobre o festival, o que o inspira e as pessoas que o frequentam”.

A “proactividade, a disponibilidade e o interesse da organização do Boom Festival em colaborar com todas as autoridades de promoção de segurança e de saúde antes e durante o evento, com vista a promover o melhor ambiente possível aos seus visitantes”, é igualmente reafirmada. Fazem questão de lembrar que “um dos responsáveis pela operação ‘Psicadélica’ promovida pela GNR de Castelo Branco, major Santos Alves”, recusou junto de órgãos de comunicação social uma associação directa entre o Boom Festival e o consumo de estupefacientes.

Os responsáveis pelo Boom Festival sublinham ainda que, este ano, o festival acolheu “mais de 27 mil visitantes, de mais de 150 países, reafirmando-se como o mais internacional festival nacional, que promove valores como a consciência ecológica e a ligação entre o homem e a natureza”. “Responsável por vários projectos pioneiros em sustentabilidade ambiental, o Boom Festival é o festival nacional com mais prémios ‘verdes’, além de desempenhar um papel extremamente importante na economia local”, destacam.

Foto: http://www.boomfestival.org/

LEIA TAMBÉM

idosos

Idoso desaparecido em Trancoso

Os Bombeiros e a GNR estão a procurar um homem de 90 anos que foi …

frio

Frio vai acentuar-se amanhã, mas sem previsão de chuva para os próximos dias

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para amanhã uma descida das …