A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital vai atribuir à equipa de Futsal do Futebol Clube de Oliveira do Hospital (FCOH), ...

Câmara atribui Prémio Municipal de Mérito Desportivo à equipa de Futsal do FCOH

…que nesta época se consagrou campeã distrital da 1ª Divisão da Associação de Futebol de Coimbra, o Prémio Municipal de Mérito Desportivo no valor de 1500 euros, valor equivalente a 20 por cento do subsídio anual atribuído à secção. O anúncio foi feito ontem pelo presidente do município em reunião do executivo, depois de na passada sexta-feira, a equipa ter recebido as faixas de campeã no Municipal de Oliveira do Hospital, no final de um jogo particular frente ao Sporting Clube de Portugal.

O feito desportivo alcançado pela secção de Futsal do FCOH tem vindo a ser objecto de reconhecimento por quem tem responsabilidades concelhias. Dois dias após o fim do campeonato que dava a vitória à equipa oliveirense, já o vereador José Francisco Rolo apresentava em sede de executivo uma intervenção de congratulação, notando que “o desempenho daquela secção e os resultados alcançados criam condições para o acesso ao prémio de Mérito Desportivo Municipal”. Paralelamente, o eleito socialista apresentava ainda um voto de louvor ao FCOH, pelo resultado alcançado e projecção desportiva que a secção continua a proporcionar ao concelho. Na mesma reunião, também o presidente Mário Alves referiu ter intenção de apresentar um voto de louvor pela vitória, por ocasião da proposta de aprovação de atribuição daquele prémio.

Postura semelhante foi a assumida por José Carlos Alexandrino na última reunião da Assembleia Municipal, dia 27, ao propor dois votos de reconhecimento, um ao Clube Seita, pela capacidade de organização das actividades e divulgação do concelho – a realização do Europeu de Enduro, por exemplo, constituiu um êxito assinalável – e o outro à secção de Futsal do FCOH “ por ter feito um excelente trabalho” como consta dos jornais. O primeiro foi aprovado por maioria e o segundo por unanimidade.

Sobre esta matéria, o presidente Mário Alves não deixou de imputar sobre a autarquia alguma responsabilidade no que respeita aos sucessos alcançados. “Se a Câmara Municipal não apoiasse o Clube Seita, o Futsal, o Hóquei e o Sampaense, não estaria aqui ninguém a falar em votos de louvor”, sustentou o autarca, destacando que se trata “da tal política que dizem que é a política do subsídio e do eleitoralismo”.

LEIA TAMBÉM

Gouveia recebe Campeonato Mundial Trial de motos

O Parque da Senhora dos Verdes, em Gouveia, vai receber, entre os dias 23 e …

Luís Mota voltou a vencer as 100 milhas do Oh Meu Deus – Ultra Trail Serra da Estrela

O atleta Luís Mota, do Clube do Benfica de Abrantes, venceu as 100 milhas do …