Câmara de Seia adere ao Compromisso de Pagamento Pontual

A Câmara Municipal de Seia aderiu ao projecto ‘Compromisso Pagamento Pontual’, uma iniciativa da Associação Cristã de Empresários e Gestores (ACEGE) que prevê o pagamento no prazo acordado aos fornecedores. O Município pretende com esta adesão responder “afirmativamente a este movimento de responsabilidade social na promoção de uma cultura de pagamento pontual e da competitividade da economia portuguesa”, o que, acreditam, ajudará a atrair investimento.

“A inexistência de uma cultura de pagamento no prazo acordado aos fornecedores constitui um estrangulamento para o desenvolvimento das empresas e para o crescimento da economia. Esta realidade tem um impacto devastador, sendo visível no número de falências que origina, no desemprego que cria e na concorrência desleal que provoca”, refere uma nota da autarquia, a qual considera ainda que é vital a generalização deste procedimento. “Irá contribuir para o crescimento económico de todo o País. Importa agora continuar este caminho e fazer do pagamento pontual a regra em vez ser a excepção”, justifica.

A autarquia liderada pelo socialista Carlos Filipe Camelo sublinha também que este é  “mais um passo” para transformar aquele concelho como um território atractivo para a actividade empresarial “e onde os negócios florescem num ambiente de grande confiança entre partes”.

LEIA TAMBÉM

José Carlos Alexandrino garante que existem três médicos dispostos a vir trabalhar para Oliveira do Hospital desde que sejam contratados pela tutela

Deputado do PS Santinho Pacheco defende encaminhamento de doentes renais de Seia e Gouveia para Viseu

O deputado socialista Santinho Pacheco, eleito pelo circulo eleitoral da Guarda, anunciou hoje que questionou …

“Não reúno condições objectivas que reputo de indispensáveis, necessárias e até obrigatórias, a uma candidatura à Câmara Municipal”

O ex-presidente da Assembleia Municipal de Oliveira, António Lopes, não se irá candidatar nas eleições …