Candidaturas medem forças na corrida à Câmara Municipal

Na contagem decrescente para as eleições autárquicas de 29 de Setembro, multiplicam-se os esforços de convencer o eleitorado. CDS-PP realiza esta noite o primeiro jantar comício na cidade. O PSD tem amanhã lanche – comício em Penalva de Alva. PS tem fim de semana repleto de comícios e arruadas, depositando elevadas expectativas nas iniciativas de domingo.

psalex

Outdoors, cartazes, info mails, páginas do facebook e propaganda sonora. Tudo isto e muito mais tem tomado conta do dia a dia dos oliveirenses. Nada de anormal atendendo ao momento eleitoral em que o país está mergulhado e Oliveira do Hospital não é exceção.

É de eleições autárquicas que se trata, com o povo de Oliveira do Hospital a ser desafiado a avaliar o trabalho feito no mandato autárquico que agora termina e a eleger a equipa que vai gerir os destinos do concelho por mais quatro anos.

E são quatro as opções: José Carlos Alexandrino (PS), Cristina Oliveira (PSD), José Vasco Campos (CDS) e João Dinis (CDU). Porém no que ao futuro presidente de Câmara diz respeito é sobretudo entre os dois principais partidos (PS e PSD) que se centra a luta política. De um lado, José Carlos Alexandrino, atual presidente e recandidato à Câmara Municipal pelo PS e por outro lado Cristina Oliveira, que pela primeira vez entra na luta eleitoral autárquica no concelho de onde é natural. Do lado do CDS-PP, José Vasco de Campos luta pelo lugar de vereador num executivo onde o candidato João Dinis pela CDU sabe de antemão que não consegue chegar.

psdcoCandidatos que com o decorrer da campanha eleitoral endurecem a luta política, com o recandidato pelo PS a ser objeto de críticas que lhe vão sendo arremessadas pelos cabeças de lista das três candidaturas adversárias. A dar tudo “pelas pessoas”, José Carlos Alexandrino não se deixa contudo esmorecer, fazendo questão de marcar presença em cada um das freguesias e localidades do concelho. Em jeito de sessões de esclarecimento, o ainda presidente apela à confiança dos oliveirenses a quem faz também questão de prestar contas do trabalho feito. Ações a que vai dar continuidade no decorrer do fim de semana, com a candidatura a esperar por fortes mobilizações no almoço de domingo em Nogueira do Cravo e no comício noturno, no mesmo dia, no Campo do Vasco da gama, em Seixo da Beira.

cds

Sem contas ainda para prestar ao povo, a candidata do PSD, Cristina Oliveira que garante que veio para ficar assentou arraiais por cá, levando igualmente por diante a missão de contactar com os oliveirenses nas várias freguesias e locais. Um trabalho que faz num “concelho laranja” e onde se mostra confiante no voto de um eleitorado que entende “social democrata”. No fim de semana, que é último antes das eleições de 29 de setembro, Cristina Oliveira vai igualmente desdobrar-se em comícios, perspetivando para o final da tarde de sábado, uma forte participação no lanche comício que tem agendado para Penalva de Alva.

A dar a cara pelo CDS-PP, José Vasco Campos dá igualmente o tudo por tudo no contacto com as populações. Para hoje o candidato centrista tem agendado um jantar comício num restaurante da cidade, onde espera juntar três centenas de oliveirenses. Uma primeira prova à capacidade de mobilização do jovem que promete “mais pela nossa terra”.

janoA pouco mais de uma semana para que ao povo seja devolvida a responsabilidade de escolher os novos autarcas, os vários candidatos submetem-se a verdadeiras provas de fogo que a atender pela capacidade de mobilização permitem antecipar os resultados das eleições de 29 de setembro.

LEIA TAMBÉM

Uma insólita invasão de javalis na cidade de Viseu

Uma ‘praga’ de javalis tem invadido todas as noites a cidade de Viseu, revela o …

Identificados quatro suspeitos de incêndio após queimadas em Viseu

A GNR anunciou hoje que identificou quatro pessoas em Lordosa, no concelho de Viseu, na …