Casa da Cultura César Oliveira abre as portas à Agricultura Biológica

O modo de produção biológico vai estar em análise no próximo sábado, no âmbito de um colóquio dinamizado pela CAULE – Associação Florestal da Beira Serra em colaboração com a SOLO VIVO – Associação para a Promoção do Desenvolvimento Local, e integrado no programa da XIX edição da Festa do Queijo da Serra da Estrela.

Dirigido a técnicos, produtores, estudantes e população em geral, o colóquio – com entrada gratuita – irá abordar temas como o Modo de Produção Biológico de algumas das culturas emblemáticas desta região, a comercialização e a certificação da produção, contando para isso com a presença de produtores e técnicos ligados ao sector.

O evento pretende divulgar um modo de produção que – de acordo com nota informativa – “constitui uma alternativa à produção tradicional”. Para os promotores do colóquio, a agricultura biológica “pode e deve ser visto como um novo impulso”, para que não se deixem morrer as práticas agrícolas, consideradas como “uma peça fundamental no ordenamento do território”, constituindo “uma parte importantíssima da identidade tradicional”.

LEIA TAMBÉM

Casas abandonadas. Autor: Renato Nunes

A partir do momento em que a minha avó materna faleceu, já lá vão 22 …

Festival “Origens” de Travanca de Lagos agendado para o próximo fim-de-semana

Os Jovens da Liga de Travanca de Lagos apresentam, de sexta-feira a domingo, mais uma …