A CAULE – Associação Florestal da Beira Serra vai, nos dias 19 e 21 de Maio, proceder à realização de uma acção de sensibilização junto dos produtores e proprietários florestais de Tábua e Arganil, respectivamente, sobre o nemátodo da madeira do pinheiro.

 

CAULE sensibiliza produtores sobre problemática do Nemátodo

Imagem vazia padrãoCom início às 18h00, a iniciativa terá lugar, dia 19, nas instalações da Tuna Mouronhense, em Mouronho no concelho de Tábua, e no dia 21 na Junta de Freguesia de Coja, concelho de Arganil.

Em nota de imprensa enviada ao correiodabeiraserra.com, a CAULE justifica a iniciativa com o facto de o nemátodo da madeira do pinheiro ser um dos organismos patogénicos mais perigosos para as coníferas (Pinheiro Bravo), detectado na zona centro do País, no distrito de Coimbra, na região da Lousã e Arganil.

LEIA TAMBÉM

Ministro Pedro Marques garantiu em Nelas que a aposta em infra-estruturas de transporte passa pela ferrovia e IP3, ignorando IC6 e IC12

O ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, assegurou ontem em Canas de Senhorim, Nelas, …

José Carlos Alexandrino lança suspeitas sobre queijeiras de Seia nas descargas ilegais no rio Cobral

Como regresso da chuva, os habitantes que vivem próximo do rio Cobral temem que voltem …