Centro de Saúde de Oliveira do Hospital vai ser reforçado com dois médicos cubanos

Entre o pessoal médico do Centro de Saúde de Oliveira do Hospital vão passar a figurar dois profissionais cubanos.

A informação foi avançada, ontem, pelo presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital quando dava conta do resultado da reunião que teve, no dia 23 de Dezembro, com o presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) do Centro, João Pedro Pimentel.

“Vamos acolher dois médicos cubanos num projecto-piloto na zona Centro e o município assumirá a despesa de alojamento”, afirmou José Carlos Alexandrino, frisando que existem vários médicos cubanos a trabalhar no Alentejo.

Sem adiantar datas concretas para a chegada dos dois novos profissionais, o presidente da Câmara disse também ter ficado com a garantia de que o pessoal médico iria ser reforçado com mais outros dois médicos, sendo que um substituirá o falecido clínico António Vaz Correia.

De acordo com José Carlos Alexandrino, na reunião realizada em Coimbra estiveram também em cima da mesa as queixas apresentadas pelo presidente da Junta de Freguesia de São Gião, sobre a falta de médico que se arrasta há mais de dois anos.

Em análise estiveram ainda os casos relacionados com a extensão de saúde de Avô e da Fundação Aurélio Amaro Diniz.

“Vim satisfeito da reunião. Espero é que se passe das palavras aos actos”, verificou José Carlos Alexandrino, que disse que durante este mês de Janeiro o presidente da ARS Centro efectuará uma “visita oficial” ao concelho de Oliveira do Hospital.

LEIA TAMBÉM

Alexandrino acusa alguns médicos de “boicote” ao SAP “numa tentativa de ele fechar” e coloca em causa qualificação de um clínico

O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital teceu hoje duras críticas a “alguns …

Saúde em Oliveira do Hospital continua envolta em crise, utentes queixam-se e presidente da Câmara reconhece que solução não está nas mãos da autarquia

Uma utente não conseguia disfarçar a sua indignação por não ter, mais uma vez, conseguido a …