Ciclo de Teatro Amador de Oliveira do Hospital arranca sábado com a peça “Carta Anónima”

A Casa da Cultura César Oliveira dá início no sábado (pelas 21h30) à segunda edição do Ciclo de Teatro Amador de Oliveira do Hospital, AQUI HÁ TEATRO, com a peça “Carta Anónima”, uma comédia levada a cena pelo Grupo de Teatro da Sociedade Recreativa Ervedalense, da autoria de Pedro Muñoz Seca e adaptada por Eduardo Gil.

“A Portuguesa Club”, uma revista produzida pela Escola Velha Teatro de Gouveia, será a segunda peça a ser apresentada, no dia 26 de setembro. Esta obra escrita por Diogo Cardona, com direcção técnica de Carlos Bernardo, é uma “comédia repleta de música e boa disposição, onde rir não paga imposto”. E, no sábado, 27 de Setembro, subirá ao palco outra comédia “Médico à Força”, pelo Grupo de Teatro da Associação Cultural da Freguesia de Seixo da Beira.

A fechar o “AQUI HÁ TEATRO – 2º Ciclo de Teatro Amador de Oliveira do Hospital”, estará em cena a peça infantil “Manuel I – O Venturoso”, pelas Ludotecas Municipais de Oliveira do Hospital (Lagares da Beira e Oliveira do Hospital).

O primeiro objectivo deste ciclo, refere um comunicado do Pelouro da Cultura da autarquia, é a divulgação desta tipologia teatral, muito em foco na cultura associativa do concelho de Oliveira do Hospital. “A oportunidade dada aos grupos teatrais amadores de se apresentarem na casa da Cultura César Oliveira é reconhecida como motivo de satisfação colectivo, divulgando e promovendo o teatro amador produzido no concelho e na região”, concluiu a missiva.

LEIA TAMBÉM

Moléculas da cerveja desvendadas na Universidade de Aveiro

Fragrâncias frutadas, vegetais e aromas tostados ou a caramelo provenientes do lúpulo ou do malte. …

Constituídos dois arguidos por homicídio por negligência e ofensas corporais nos incêndios de Pedrogão Grande

O Departamento de Investigação e Acção Penal constituiu como arguidos o comandante dos bombeiros de Pedrógão …