Começar bem o ano

Na primeira volta, o jogo em Ponte de Sôr foi difícil porque o Eléctrico foi uma oposição forte, baseando o seu jogo numa postura muito física e um basquetebol de transições muito rápidas.

O jogo iniciou-se pautado pela equipa da casa. A defender bem o Sampaense conseguiu de forma eficaz contrariar os ataques visitantes e concretizar nos momentos certos, revelando um jogo interior bem apoiado nos seus postes. O primeiro período terminou com o resultado de 29-14.

Os segundos 10 minutos decorreram enquadrados nos minutos anteriores, onde os beirões dilataram ainda mais a vantagem até ali conquistada. O jogo vai para intervalo com 54-27 no marcador, números que expressavam bem a vantagem caseira.

Após o intervalo o Eléctrico pareceu querer dar a volta ao jogo, melhorou no seu colectivo, mas muito devido ao abrandar da equipa da casa. O seu esforço foi recompensado com uma redução da diferença no marcador, mas ainda assim essa diferença nunca passou dos 10 pontos, favoráveis à equipa do Sampaense.

O jogo foi para o último período com o resultado de 67-53 fixo no marcador. No quarto período viu-se o Sampaense a gerir o resultado e a conseguir novamente superiorizar-se no jogo. O Eléctrico jogou forte no físico, factor que levou a algum incómodo entre os jogadores da casa, mas que no final não teve reflexo no resultado.

O jogo terminou com a vitória do Sampaense por 82-63 e foi o melhor início de ano possível para o cumprimento dos objectivos da equipa de S. Paio de Gramaços. O MVP da partida foi Kendell Craig com 31 pontos e 4 ressaltos. Destacaram-se igualmente no Sampaense Nuno Soares com 15 pontos e Anastácio Sami com 13 pontos. No Eléctrico evidenciaram-se Jonathan Walker com 14 pontos e Tiago Pinto e Danilson Vieira ambos com 13 pontos.

Na próxima 4ª feira o Sampaense vai deslocar-se a Matosinhos a fim de defrontar o F. C. Porto para a Taça de Portugal, para um jogo que em caso de vitória, coloca o Sampaense na final a 8 da competição.

Por: PNV

LEIA TAMBÉM

O Bava da Bola

Um tal Bava, Zeinal de primeiro nome, foi presidente executivo durante anos da PT. Em …

Aquela máquina…

Dois golos de Cristiano Ronaldo e um de André Silva asseguraram a vitória de Portugal …