Comenius levou Agrupamento da Cordinha à Polónia

 

Depois de em outubro de 2011 o Agrupamento de Escolas da Cordinha ter aberto as suas portas ao parceiros da Holanda, Espanha, Itália, Polónia e Turquia, no mês passado foi a vez de a Cordinha rumar em direção à Polónia.

Uma comitiva composta por 10 alunos e três professores esteve, entre 13 e 17 de fevereiro, em Reda onde teve possibilidade de conhecer “in loco” a realidade educativa daquele país, bem como os respetivos hábitos, costumes e até pormenores históricos.

Numa iniciativa onde a estadia dos alunos foi assegurada por famílias de acolhimento, o grupo que partiu de Ervedal da Beira teve oportunidade de visitar a escola de Reda e jardins de infância do domínio privado.

Apesar das baixas temperaturas, a comitiva que também participou em grupos de trabalho e tomou conhecimento da realidade escolar naquele país, teve ainda oportunidade de visitar o campo de concentração de Stutthof com visita guiada a cargo de um ancião sobrevivente do campo.

Com direito a passagem pelo Estádio de Futebol de Gdansk, o grupo de professores e alunos da Cordinha também efetuou paragem no memorial aos massacres de Piásnica, ocorridos entre 1939 e 1940, durante a ocupação nazi e no qual terão sido assassinados perto de 14 000 cidadãos.

Imagens da baía de Puck completamente gelada, tal como o pequeno porto piscatório de Jastarnia, são algumas das muitas recordações que a comitiva da Cordinha trouxe na bagagem.

LEIA TAMBÉM

Alunos da ESTGOH consideram “Oliveira do Hospital uma cidade acolhedora”

ESTGOH atrai 110 alunos na primeira fase de acesso ao ensino superior, curso de Gestão das Bioindústrias sem grande adesão

A Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital (ESTGOH) preencheu 110 das …

Amianto vai ser retirado da Escola Secundária de Oliveira do Hospital, oposição critica “timing”

A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital anunciou ontem que assinou um contrato de adjudicação …