Concurso de requalicação do IP3 deve avançar ainda este ano

O ministro do Planeamento e das Infra-estruturas, Pedro Marques, disse hoje, na Assembleia da República, que o primeiro concurso para a requalificação do Itinerário Principal 3 (IP3), entre Viseu e Coimbra, deverá ser lançado este ano. O governante reafirmou a solução de aumentar o “número de faixas, onde tecnicamente for possível”, da infra-estrutura, sem “colocar portagens, sem onerar as populações” e que “tudo será feito” para que o primeiro concurso de obra deste projecto de requalificação “seja lançado este ano”.

O ministro explicou que as várias soluções que foram equacionadas para a estrutura, como uma “auto-estrada, com impactos ambientais seríssimos”, ou “acabar com o IP3 e a alternativa não portajada”. Por isso, foi decidido avançar com uma verba até 140 milhões de euros, do Orçamento do Estado, para a requalificação, incluindo o “traçado mais sensível na zona da Livraria do Mondego”.

O ministro reafirmou o objectivo de dotar o IP3 de perfil de auto-estrada, sempre que possível, sendo que a “ideia é fazer requalificação integral da via”. O ministro garantiu ainda não estarem a ser transferidas verbas  dos fundos comunitários das regiões de coesão, até porque seria contra os regulamentos

 

LEIA TAMBÉM

Mais de duas toneladas de queijo denominado Serra da Estrela apreendidos em Seia

Mais de duas toneladas de queijo indevidamente classificado com denominação de origem protegida (DOP) Serra …

Homem de 47 anos detido depois de violar mulher em Coimbra que conheceu via Facebook

Um homem de 47 anos, empregado na construção civil, foi detido pela Polícia Judiciária depois …