Confraria do Medronho realizou II Capítulo e entronizou António Lopes

O presidente da Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital, António Lopes, foi entronizado confrade de honra na Confraria do Medronho.

Por ocasião da realização do segundo capítulo da Confraria foram também entronizados confrades de honra, o director do Departamento de Gestão de Áreas Classificadas Centro e Alto Alentejo do Instituto Nacional de Conservação da Natureza e Biodiversidade, Armando Carvalho, e o director do Centro de Emprego e Formação Profissional de Arganil, Paulo Marques.

Na cerimónia que decorreu no Salão Nobre da Câmara Municipal de Tábua, o presidente do município e Grão-Mestre destacou a importância da Confraria, pelo facto de “potenciar o desenvolvimento de acções de produção, transformação e comercialização do medronho, do medronheiro e seus derivados”.

Ivo Portela adiantou ainda que o medronheiro – “um arbusto com grande interesse económico”, frisou – tem conquistado uma maior atenção por parte dos proprietários, desde que a confraria foi fundada.

O Chanceler Mor da Confraria, José Vasco Campos explicou que a Confraria não se esgota no Medronho e visa também alertar para a necessidade de conservação da natureza.

O também presidente da CAULE revelou ainda a intenção da confraria criar “uma pequena destilaria” para produzir licores e doces, admitindo que o fruto seja adquirido junto de produtores da região.

LEIA TAMBÉM

Ministro Pedro Marques garantiu em Nelas que a aposta em infra-estruturas de transporte passa pela ferrovia e IP3, ignorando IC6 e IC12

O ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, assegurou ontem em Canas de Senhorim, Nelas, …

José Carlos Alexandrino lança suspeitas sobre queijeiras de Seia nas descargas ilegais no rio Cobral

Como regresso da chuva, os habitantes que vivem próximo do rio Cobral temem que voltem …