Cristina Oliveira

Cristina Oliveira pediu suspensão do mandato de vereadora na Câmara Municipal de Oliveira do Hospital

A candidata derrotada nas últimas eleições à Câmara Municipal de Oliveira do Hospital e única vereadora eleita pelo PSD para o executivo municipal, Cristina Oliveira, pediu a suspensão do seu mandato pelo período de um ano. A decisão foi hoje anunciada, em comunicado, pela Comissão Política de Secção de Oliveira do Hospital (CPS) que veio confirmar a notícia avançada pelo CBS a 16 de Fevereiro, a qual dava conta que a vereadora iria dar conhecimento dessa decisão no dia 20 desse mês. Ao tornar-se pública essa determinação, Cristina Oliveira terá optado por adiar. O sucessor no cargo será agora João Brito, número dois da lista.

“Este pedido de suspensão prende-se exclusivamente com motivos profissionais e pessoais contando, como sempre, com a total solidariedade e apoio da Comissão Política de Secção de Oliveira do Hospital com quem continuará a colaborar”, explica o comunicado da Comissão Política do PSD oliveirense, assinado pelo seu presidente Nuno Vilafanha, o qual acrescenta tratar-se de “uma suspensão” e “não de uma renúncia” ao cargo. “Podendo, assim que possível, requerer o seu regresso antecipado relativamente à data inicialmente fixada e reassumir o mandato para que foi eleita”, acrescenta a missiva.

A Comissão liderada por Nuno Vilafanha lembra que cabe agora ao presidente da autarquia chamar o substituto de Cristina Oliveira. “De acordo com os procedimentos legais, será substituída pelo cidadão [João Brito] imediatamente a seguir na ordem respectiva da lista do PSD que concorreu às eleições autárquicas e cuja convocação compete ao Presidente da Autarquia”, ressalva o comunicado, no qual o “PSD de Oliveira do Hospital aproveita para publicamente agradecer o trabalho desempenhado pela Dr.ª Cristina Oliveira, esperando contar com mesma num futuro próximo e com o seu rápido regresso ao Executivo Municipal de Oliveira do Hospital”.

LEIA TAMBÉM

Capoula Santos apresentou em Oliveira do Hospital novas medidas de apoio aos agricultores afectados pelos fogos

O Ministro da Agricultura apresentou, ontem, em Oliveira do Hospital, as novas medidas de apoio …

O “Ciclone de Fogo” varreu aquela noite que o foi de (quase) todos os medos… Autor: João Dinis, Jano

Naquela noite de (quase) todos os Fogos e de (quase) todos os medos, morreu Gente …

  • Politicalex

    Normal…Está na linha da Política à Portuguesa…

  • Good by my friend

    Afinal o CBS estava correcto.
    Agora já pode dizer mal do Alex, pois até aqui, não podia.

  • Votei em ti. Estou arrependido

    Boa viagem, não veio cá fazer nada. felicidades.

  • Cagao

    O blogue do Caga Milhões é como ó Cavaco. Nunca se engana e raramente tem dúvidas. Se a presunção e água benta pagasse imposto o Cagão estava atulhado de dinheiro. Dasss

    • Mijão

      Quem te encomendou o sermão? Não te ajeitaste tu com algum do “Cagão”? Se calhar também te calhou? Vai saindo de mansinho porque senão quem fica atolado em trampa, és tu mais os teus iguais.

      • Politicalex

        Perdão…Mas o “Cagão” não está falido..? Como eu gostava de ver discursos com coerência…!Prepara-te que o “Cagão” anda aí… e a fazer estragos.Ainda há pouco o vi a sair do tribunal..! Ele não disse que ia ao Ministério Publico “enrolar” os “filhos queridos do Povo”..? Com tanta gente boa logo se foram meter com aquele…

    • Politicalex

      Perdão: O que tenho lido são actas e documentos da Câmara, que são reflexo da miséria que nos governa..! É essa a presunção..? Se sim, abençoada. Antes do “Cagão” ninguém dizia nada.Ainda bem que apareceu alguém com eles no sítio…O que vejo na Câmara é a incompetência e os vencidos da vida..! Se não fosse a bandeirinha quem +e que os conhecia..?

    • Erasmo de Roterdão

      Dizei-me irmão:Esse de “caga milhões” já vos pediu algo? O que hei por ouvido é que, eram muitos os que lhe deviam. Divagando, alguém nos disse ser hábito o nosso alcaide brilhar com a carteira desse, de “Cagão”…Não guardeis respeitos humanos. Amai-vos uns aos outros como o Senhor, nos ensinou. Nesta época da “paixão da carne” não blasfemais…

  • alvalade

    Dois cagões! o caga milhões e o caga pombo.

  • ErvedalenseIII

    Então o cagão aldrabão e rancoroso do Alex,não aparece?

  • Politicalex

    Tudo quer ser “Cagão”.. só que, mesmo para ser Cagão” é preciso ter algo que se cague… no caso, dinheirinho do grosso..! Isto de ser “Cagão” também não é para todos…Ao “Cagão”, nunca o mandaram calar, numa sala de mais de 500 pessoas..! Quando não se sabe representar, bem o Concelho é assim..! Ao “Cagão ” nunca lhe disseram, numa cerimónis desta importância: “Os senhores não se calam”? O homem tem a mania que é o “Deus Sol” e tem, sempre que chamar a ele a atenção…Depois mandam-no calar…Alex: Achas que tens vida para isto? Tens noção que representas um Concelho de 20 841 habitantes?Achas que estás à altura da responsabilidade que te confiaram..? Só me chegam más notícias…

    • Alma penada

      Não me diga que foi a Drª Ana Abrunhosa?
      Ela realmente era para ter vindo ao concelho, mas depois de ter mandado calar o Alex e a Engracia nunca mais cá pôs os pés.
      Esse palerma não se sabe comportar, estar em frente da plateia e estar aos cochichos com a Engracia enquanto a Abrunhosa discursava, só podia dar nisto.
      Fez muito bem em por-lhe o dedo no nariz e manda-los calar em frente daquela gente toda. Aquilo não é falar para um rancho ou para uma equipa de futebol.

      • Politicalex

        Sim.sim,parece que foi… a engrácia, o problema foi outro… A converseta que foi mandada calar era o Alex mais o “Alcaide” do Concelho dos Bispos Condes..!