DECO desafia consumidores para Jornada Nacional de Protesto contra o preço dos combustíveis

… dos combustíveis. “Por um preço mais justo: Transparência e maior Coerência” é o lema da Jornada Nacional de Protesto organizada pela Associação de Defesa do Consumidor que denuncia o facto de o mercado nacional dos combustíveis estar a ser dominado por três empresas, “numa verdadeira situação de oligopólio, praticando preços praticamente idênticos, entre si, demonstrativos da falta de concorrência neste mercado”.

Com a Jornada Nacional de Protesto, a DECO – conforme nota informativa enviada ao correiodabeiraserra.com – reivindica que as empresas petrolíferas façam repercutir no preço de venda ao público dos combustíveis as reais variações dos preços das matérias-primas. Pretende também que a Autoridade da Concorrência exerça com eficácia as suas competências de fiscalização e supervisão do mercado e que o Governo crie uma estrutura específica de regulação do sector e introduza medidas adequadas ao combate ao oligopólio fomentando o aparecimento de novos operadores no mercado.

A cinco dias da data marcada para o protesto, a DECO diz ter “quase certeza de que o protesto vai ser fortemente participado e que as coisas não vão ficar como estão”.

LEIA TAMBÉM

Maria Barroso faleceu esta madrugada

Maria Barroso morreu esta madrugada. Aos 90 anos, a mulher do ex-presidente da República Mário …

Mais de metade do país está em seca extrema

Maio de 2015 foi o terceiro mais seco dos últimos 11 anos e no final …