Quatro fogos activos, incluindo um no Parque Natural da Serra da Estrela e outro na Pampilhosa

Detido suspeito de atear fogo florestal de Mangualde

A Polícia Judiciária (PJ) anunciou hoje a detenção de um homem pela presumível prática de um crime de incêndio florestal no concelho de Mangualde, que ocorreu há pouco mais de duas semanas. “O suspeito actuou num quadro de alcoolismo e utilizou um isqueiro para atear o incêndio, em terreno povoado com pinheiros, tendo ardido uma área com cerca de 2,2 hectares”, informa a PJ em comunicado.

O homem, solteiro e copeiro, é suspeito de “ter posto um foco de incêndio florestal” no dia 15 de Julho, junto à Senhora do Castelo”. A PJ refere ainda que o detido tem antecedentes criminais pelo mesmo tipo de crime, sendo presente às autoridades judiciárias competentes para primeiro interrogatório e aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

LEIA TAMBÉM

Tragédia dos incêndios em Oliveira do Hospital: cinco mortes, destruição, luto e escolas encerradas

A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital decretou hoje três dias de luto municipal em …

Chamas destruíram pavilhão de fábrica têxtil em Seia

O incêndio que lavra no concelho de Seia destruiu um pavilhão de uma fábrica têxtil …