Polícia Judiciária deteve mulher que tentava introduzir haxixe na prisão de Coimbra

Detido vendedor ambulante que intimidava e coagia vítimas com recurso a armas de fogo

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Centro, identificou e deteve um homem, vendedor ambulante, presumível autor da prática de vários crimes de coação grave e de ofensa à integridade física qualificada, na forma tentada, com uso de armas de fogo, ocorridos em ocasiões distintas, entre maio e novembro do corrente ano, na zona de Mangualde.

“Como forma de intimidar e coagir as vítimas, o suspeito passava, durante a noite, em frente à sua residência e, usando vários tipos de armas de fogo, efetuava disparos contra a casa ou contra o veículo dos lesados, causando-lhes avultados prejuízos materiais, mas sobretudo, medo, inquietação e perigo para a integridade física e para a vida”, refere a PJ em comunicado.

Na sequência de diligências probatórias efetuadas a Polícia Judiciária apreendeu um veículo e outros objetos relacionados com a prática dos crimes.

O detido, de 38 anos de idade e já com antecedentes policiais, foi presente a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicadas as medidas de coação de apresentações periódicas no posto policial da área da sua residência, proibição de se ausentar para o estrangeiro e de se aproximar de casa das vítimas.

LEIA TAMBÉM

Polícia Judiciária deteve mulher que tentava introduzir haxixe na prisão de Coimbra

PJ deteve em Coimbra autor de crimes de homicídio, na forma tentada e de roubo

A Polícia Judiciária deteve um homem pela presumível prática de um crime de homicídio, na …

GNR realizou ontem 40 detenções em flagrante delito, sete das quais por roubo

Filho preso por suspeitas de ter matado mãe com martelo em Viseu

O homem de 37 anos suspeito de ter matado a mãe em Santarinho, no concelho …