Detidos suspeitos de atear fogo em Tondela

A Polícia Judiciária, através da Diretoria do Centro, com a colaboração do SEPNA da GNR de Viseu, cumprindo mandados de detenção emitidos pela autoridade judiciária competente, deteve dois homens, ambos solteiros, pela presumível prática de quatro crimes de incêndio florestal, dois ocorridos no passado dia 13 de setembro, pelas 13h50 e 20h30 , e outros dois ocorridos também durante este verão, em data ainda não concretamente apurada.

Os suspeitos agiram num quadro de revolta, tendo usado isqueiro para fazer quatro ignições, causado incêndios florestais de grande dimensão.

Os detidos, de 16 e 45 anos de idade, foram presentes a primeiro interrogatório judicial, tendo-lhes sido aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

No corrente ano a Polícia Judiciária procedeu já à identificação e detenção de 65 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

LEIA TAMBÉM

IP reforça meios de prevenção e limpeza de gelo e neve nas estradas da Serra da Estrela com novo Silo de Sal-gema na Guarda

A Infra-estruturas de Portugal (IP) instalou na Guarda, um novo silo de sal-gema com capacidade …

Incêndios causaram mais de 10 milhões de euros de prejuízos em Seia

Os prejuízos financeiros causados pelos incêndios dos dias 15, 16 e 17 de Outubro no …