Dívida do município ultrapassa sete milhões de Euros

 

A dívida do município de Oliveira do Hospital ultrapassou os sete milhões de Euros. Tomando o final do mês de maio como indicador, a dívida do município oliveirense situa-se nos 7.172.650,08 Euros, mais 182.556,17 Euros do que no final de março deste ano.

O empréstimo contraído junto da Caixa Geral de Depósitos continua a representar o grosso dívida, num total de 5.810.332,84. No patamar seguinte encontram-se os subsídios atribuídos, mas ainda não pagos, no valor de 510.369,23 Euros.

Na rubrica das empreitadas, o município de Oliveira do Hospital deve 502.601,81 Euros, enquanto que na área dos fornecedores /prestação de serviços a autarquia tem por liquidar 230.242,65 Euros. Nesta última área, a empresa Águas do Zêzere e Côa continua a ser o maior credor, tendo a receber 61.150,69 Euros, logo seguida pela Associação Municípios Região Planalto Beirão, à qual a autarquia deve 25.616,74 Euros.

A atividade e situação financeira do município é um dos pontos que consta da ordem de trabalhos da Assembleia Municipal que vai reunir, em sessão ordinária, no próximo dia 24 de junho, pelas 17h00.

Em cima da mesa vai estar ainda a apreciação e votação do pedido de autorização para a repartição de encargos da empreitada de “Requalificação Urbanística da Avenida D. Manuel I e da Avenida Nova, em Ervedal da Beira”.

Num terceiro ponto, os deputados são ainda convidados a apreciar e votar a contratação, por parte da Associação de Municípios do Planalto Beirão, de um empréstimo a médio/longo prazos até ao limite de 6.700.000, 00 Euros.

LEIA TAMBÉM

Primeiro-ministro vê nas biorefinarias uma “oportunidade” para aproveitar a floresta e elogia trabalho desenvolvido na BLC3

O primeiro-ministro destacou ontem na inauguração do Campus de Tecnologia e Inovação BLC3, em Oliveira do …

António Costa remete construção do IC6 para “quando haja condições financeiras”

O primeiro-ministro não se compromete com uma data para a construção do IC6 entre Tábua …