E se para voltarmos a ser “candidatos” a “moda” pega ?!…

– “Pai, pai, se não me deres aquele tal presente, deixarei de me dizer teu filho !”…

Ou mais prosaicamente:

–  “PS, PS – Presidente da Câmara, Presidente da Câmara – se não me fizerem a Pousada da Juventude, em Ervedal da Beira, não serei mais Vosso candidato !”…

Para assumir formalmente a sua recandidatura à Câmara como candidato, afinal, pelo seu partido de sempre, o PS, o actual Presidente da Câmara, por assim dizer, tem colocado “todas as suas fichas” numa “promessa”, mais visível, por parte do actual Governo PS, no avanço imediato do IC 6 até dentro do concelho de Oliveira do Hospital. Enfim, e tem repetidamente expressado esta condição para se recandidatar pelo PS.

Entretanto, o Ministro da tutela ainda recentemente veio dizer que não haverá IC 6 nos próximos tempos ou seja, até o Governo para ele obter fundos comunitários o que dito de outra forma, remete as obras no IC 6 para as calendas.

Entretanto, o Primeiro-Ministro afiançou, há poucos dias atrás, que apesar das melhorias orçamentais, o investimento público não vai aumentar em 2017, o que também poderá querer dizer que tão depressa não há 38 milhões de euros para gastar no IC 6 até Folhadosa…

Entretanto, o Instituto de Estradas de Portugal veio agora divulgar uma “conversa” – para já ainda não passa de “literatura” – em que de facto fala numa verba de 38 milhões de euros para novo troço do IC (19 Km) até Folhadosa, embora também fale no “tal” estudo de impacte ou projecto, prévios, ou seja, o Instituto de Estradas de Portugal também não garante – sim, não dá garantias seguras — que vá haver já, ou sequer quando é que haverá, a obra do avanço do IC 6 a ser feita no terreno…  Mas pronto, veio dar algum “conforto” e alguma margem de manobra ao actual Presidente da Câmara e ao PS local…

Então e os outros ?          

Porém, uns e outros continuam a incorrer numa demonstração daquilo que não deve acontecer num regime democrático onde se pratique de facto a democracia.

Não, não é democraticamente curial que alguém reclame que só aceita ser candidato por este ou por aquele partido caso o governo desse mesmo partido lhe faça esta ou aquela obra no concelho em que vai ser candidato ainda por cima!  Além do mais, e então os outros que não são desse partido ?

Então um partido, e seja a ele qual for, “arregimenta” candidatos na base da utilização do Aparelho de Estado e do Orçamento de Estado em proveito eleitoral partidário? Então e os outros ? Claro que neste tipo de processos, há uma viciação eleitoral antidemocrática, nem mais nem menos.

Então e se a “moda” pega ?…            

Então e que fará o governo PS caso o actual Presidente da Câmara de Viseu (por exemplo) vier a público dizer :- “ Só serei outra vez candidato pelo PSD à Câmara de Viseu, caso o governo PS me faça o IC 37 (que é aquele que irá de Viseu até ao IC 6 em Seia…)”…

Neste caso,  e na mesma ordem de ideias, o PS poderá responder, pelo menos entre pares:- “Pois, pois, tá bem, tá bem, a gente quer é que tu não te recandidates pelo PSD, logo estás bem livre de ter o IC 37”…

“Pousada da Juventude em Ervedal da Beira, já, senão não serei candidato !”

E então aqui se reclama ao actual Presidente da Junta de Freguesia da União de Freguesias de ERVEDAL e Vila Franca da Beira, e também actual Presidente da Concelhia do PS de Oliveira do Hospital, que coloque como condição sua para ser outra vez candidato pelo PS, que vá  junto do Presidente da Câmara  e do governo PS dizer-lhes que ou lhe fazem, em Ervedal, a Pousada para a Juventude que colocou no seu “Programa Eleitoral” – ou mesmo a Piscina aqui na Cordinha – ou então ele não voltará a ser candidato pelo PS…

Pois, pois, tá bem, tá bem…

janoentrev1João Dinis, Jano

LEIA TAMBÉM

PSD de Oliveira do Hospital quer aposta na formação profissional

O PSD de Oliveira do Hospital mostrou-se na última Assembleia Municipal preocupado com aquilo que …

Empreendedorismo pode transformar o fracasso em sucesso. Autor: Tozé Cardoso

Numa altura de recessão financeira, o empreendedorismo muda, renova-se, altera e no meu entender melhora, …

  • Prof.Pardal

    Jano: Desta vez deve ter tido um insónia comprida. Pela madrugada pensa-se melhor. Está bem esgalhada, sim senhor. Acha que o Alex tem neurónios para se dar a esses pensamentos? Ele tudo o que vá além duma festa e um jogo de bola adeus vindima.
    E agora tenho-me rido com uma que me contaram há dias.

    Os apaniguados do PS gostam de chamar “tambolho” ao actual candidato do PSD que, como se sabe, é mestre por uma Universidade Inglesa.

    Parece que quando alguém precisou de uns retoques para uma exigência curricular,foi esse “trambolho” que andou a “acender as luzes”…

    Como é que destrocam essa? Terá sido mesmo assim..?

  • Vilafranquense

    Parece que o Maia só se candidata se voltarem a repor as freguesias.

    • Carrossel

      Não.Acho que a exigência é que acabem com o carrossel.Começou na BLC.Foi para a Estgoh e parece que já chegou à ADI…Ora é preciso acabar com isto e arranjar uma coisa fixa e definitiva…

      • Allou

        Esta-se a esquecer da curta passagem pelo call center.

      • Mancamulas

        Não, já vai noutra que funciona no Mercado Municipal. Tu connais? Non? Oui, moi je conais bien! Elle parle beacoup de français, beacoup de langue!

  • J.P

    È triste ver o cidadão deste concelho, mesmo sendo ele funcionário do PCP, criticar tudo e todos uma pessoa como Sr. Dinis acho que deveria ter um pouco mais de sabedoria. Temos a noção que o PCP na pessoa do Sr. secretário geral Jerónimo de Sousa tem vindo apoiar este governo e eu pergunto ao Sr. Dinis porque não segue as linhas do seu partido no concelho OHP. Estas atitudes que têm vindo a revelar, valem o que valem ,agora o que está fazer não é ser oposição é ser um cidadão desonesto para com aqueles que ouve e seguem, porque uma boa oposição critica quando tem que criticar e valoriza o trabalho do seu opositor quando está bem feito e eu sinceramente não o vejo a fazê-lo .

    Sei que tem mostrar serviço politico no terreno ao seus superiores mas olhe para alguns dos seus colegas não só deste concelho mas de outros que tenho a certeza que sabe muito bem a quem me refiro, o que lhe peço é que seja transparente e realista perante a situação do concelho, eu por exemplo nunca o vi numa manifestação a reivindicar um Médico uma IC6 ao lado deste Executivo, seja ele quem for o partido que nos governa.

    Seja verdadeiro e apoie o bem e critique o mal, mas acima de tudo, seja um verdadeiro camarada.

    • António Lopes

      Estás a ver como eles te pagam Jano ? Esquecem-se num instante. Já se esqueceram daquela grande manifestação em que “obrigaram” o pessoal da Câmara a ir, em que andaram com as viaturas da Câmara e das Juntas à hora da saída dos empregos, para serem mais no desfile pelo IC e pelos médicos em que tu e o Dr,Lagos até deitaram faladura… Por acaso, até passei por lá, quando estavas a falar “para as árvores do parque dos marmelos”, e uns vinte “maduros” resistentes…
      Esta gente parece que anda a ficar nervosa e com muita amnésia.E falam do PCP e do Jerónimo como se nós não soubesse-mos com quem lidamos e não os conhecesse-mos de gingeira”… Esperai pela volta..!

      • comunista

        Mas afinal és comunista Lopes, em 2009 não falavas assim… tem vergonha! nervoso tens ando tu sempre pelos visto… só tens paleio… até agora e só faladura ainda não vi ninguém condenado nem provado.

        • apoiante

          aqui o comunista agora é que disse tudo , és o chamado “troca tintas”

        • Digam-me

          Saber esperar é uma grande virtude.
          Mas afinal, o Alexandrino é candidato ou perdeu-se pelo IC6?
          Para onde vão os lentilhodependentes, com a derrota certa que o PS vai arrecadar?

        • António Lopes

          O que dizia eu, em 2009? Nunca vivi de ordenado político, nem do Estado. Nervoso porquê? Vou perder o emprego? Nada como esperar…O Sócrates, se as fez, já foi à volta de dez anos e ainda não foi..! Mas, acho que vai..! Mantenham-se calmos… Bem mas dia 30 está a chegar.O nosso Primeiro sempre vem ou não..?

          • António Lopes

            dia 30 está a chegar ao fim…

          • Mancamulas

            Ainda falta um dia, bastam 2.30 horas de Lisboa até Oliveira do Hospital!

          • Mancamulas

            Vem a pé, depois pernoita ali numa mansão por perto do Mandanelho para acabar o Orçamento das obra do IC / Portugal 2020! Já Foste!…

    • Mancamulas

      Ó J.P., (não sei o que estas iniciais significam, porque agora andam aí na moda e a causar algumas doenças…!…) O Jano é o unico que tem sido fiel e honesto ás suas ideologias. Não vira a casaca, não é independente e não se vende por uns cêntimos de subsidios lá para a coletividade. Posso-lhe dizer que esta ” Opinião do Jano ” tem muito nivel!. Bom, veja lá se apanha também alguma birrinha e depois não consegue concretizá-la. Olhe não peça um desejo e depois exija que o Papa venha a Oliveira…porque é impossivel…!

  • joao dinis jano

    João Dinis, Jano

    Mantenham-se calmos…
    Sobem, e ainda bem, os termómetros atmosféricos… Sobem os termómetros político-eleitorais o que também é natural… Mas mantenhamo-nos calmos. Quem se mantém calmo ganha vantagem, podem crer, e eu pessoalmente já perdi “vantagem” quando me enervei e excedi em determinadas circunstâncias concretas,
    Mas quando isso aconteceu, e nos meus excessos atingi, indevidamente, alguém, sempre tenho pedido desculpas por isso e publicamente. São princípios da minha parte que também faço questão em não ser “autómato” programada e sempre debaixo de controlo, emocional ou de outro tipo.

    Não confundo questões de índole pessoal com questões de natureza política e partidária.

    Defendo que na causa pública deve haver transparência e lisura que os fins não justificam todos os meios a utilizar. Nisto, perguntar não ofende… E ter e expressar opinião política é um direito e também é um dever. de cidadania.

    Entretanto, mantenhamo-nos calmos…que após nós, após as nossa vidas, a Terra vai continuar a girar à volta do Sol e à volta de si própria. E o mais giro ainda é que, daqui a uns 5o anitos, os vindouros, regra geral, não vão perder 10 segundos do seu tempo a “estudar” estas nossas lutas e estes dramas todos que nós agora arranjamos … Mas também é verdade que muito daquilo que eles venham a ser (daqui a uns 50 anitos) depende daquilo que nós hoje, aqui “forjarmos”, na luta, no trabalho e na vida.

    Por isso, ” A luta continua!”.

    João Dinis, Jano

    • António Lopes

      Caro amarada; Continuo na minha.É pressuposto que serás candidato à Câmara.Um partido que como o nosso, tem os pergaminhos que tem, o que lhe falta para ganhar? E não ganhavam os Oliveirenses com as políticas do nosso partido? Basta ver “as melhorias” Nacionais, são eles que o dizem , e o nosso partido só dá uma ajudita. Imagina se governasse..! Não te percebo.Então, partes derrotado?Quanto aos demais, se conseguir uma coisinha que tenho aqui na forja, logo vês quantos dias são precisos para lhes ensinar o caminho certo…a rua..! Neste momento já te podia dizer as freguesias em que o PS vai levar uma abada..!

  • joão dinis, jano

    Mantenham-se lúcidos…

    Que o calor da luta e da atmosfera, não nos retirem lucidez. Vejamos:

    — O actual Presidente da Câmara apostou tudo no avanço da obra do IC 6 – e fê- lo porque quis e, até, sem disso ter necessidade estrita. Aceitou fazer essa aposta como a quis fazer e, assim, aceitou ganhá-la ou até perdê-la.
    E pode perdê-la porque a obra do IC 6, de facto, não depende “só” da sua vontade nem do seu valor com autarca e eventual candidato. Diga-se, entretanto, que se não houver IC 6 a curto prazo, o Concelho e a Região também continuam a perder, como alíás já têm perdido ao longo de anos com a inépcia de sucessivos governos do PS, do PSD e do CDS/PP

    — O PS – pelo menos o PS local – quer que o actual Presidente da Câmara se recandidate, pelo PS naturalmente.
    Assim sendo, o PS local está a fazer um penoso exercício de retórica a tentar convencer-nos que já está decidido o avanço no terreno da obra do IC6, sequer da “obrazinha” até Folhadosa.
    É preciso reafirmar que nada disso está decidido-confirmado pelo governo e que mais um “estudo” não é a obra em si própria. Não, não venha para cá a Concelhia do PS a querer vender-nos “estudos” por obras…

    — Enquanto isso, o actual Presidente da Câmara hesita em tomar a sua decisão em ser ou não ser (re)candidato. E hesita porque de facto não pode confiar na “confiança, agora publicamente manifestada, pela concelhia do PS. Não não é a concelhia do PS que decide se o IC 6 avança ou não avança já – ou se avança no terreno somente lá para…2020…

    Outras considerações:

    1 — Se o actual Presidente da Câmara se recandidatar pelo PS, o PS sabe que vai ganhar e que dessa forma vai manter este forte centro de influência política e partidária que é o Executivo da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital. Aliás, o PS e seus tentáculos de influência dominam a larga maioria das entidades e instituições “laicas” em Oliveira do Hospital…

    1.1 – E se o actual Presidente da Câmara se não recandidatar, o PS sabe que o mais certo é perder a Câmara para o PSD e, em consequência, para o candidato apresentado pelo PSD sobretudo até se PSD e CDS/PP se juntarem para esse objectivo.

    1.1.1- Não é o actual Presidente da Câmara que, em condições normais, depende do PS para ser reeleito, é o PS que depende do actual Presidente da Câmara para voltar a ganhar a Câmara.

    2 – Caso o actual Presidente da Câmara se recandidatar, os seus competidores mais directos já não vão a tempo de lhe complicarem muito a re-eleição, por exemplo, já não têm tempo para montar uma “geringonça” – tipo do “todos contra o actual Presidente da Câmara”.. – .ainda que travestida numa daquelas candidaturas ditas “independentes”…

    3 – O actual Presidente da Câmara não precisa – objectivamente – de voltar a ser Presidente da Câmara para continuar a ter uma vida socialmente activa que ele não é “velho”.

    3.1 – O actual Presidente da Câmara só precisa de manter a sua palavra na base das suas convicções – e não necessariamente nas do PS – porque, repete-se, foi ele que assim colocou a fasquia. Mas, já que aqui se chegou, que se não deixe enrolar pelo PS…
    ————————————————————————————————————–
    E felicidades para todos !

    João Dinis, Jano