A futura localização da Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital (ESTGOH) voltou à mesa de trabalho da Assembleia de Freguesia de Oliveira do Hospital, pela voz de Nuno Oliveira que, mais uma vez se mostrou discordante quanto à hipótese – já admitida pelo presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital – de aquele estabelecimento de ensino poder vir a ser instalado nas antigas instalações da ACIBEIRA em Lagares da Beira.

Eleito da CDU quer ESTGOH em terrenos da freguesia de Oliveira do Hospital

Em reunião de 27 de Dezembro, aquele eleito pela CDU – de acordo com nota de imprensa enviada ao diário online do Correio da Beira Serra – posicionou-se mais uma vez em defesa da construção das futuras instalações da ESTGOH no terreno que a Câmara adquiriu para o efeito na freguesia de Oliveira do Hospital. Oliveira não aceita que, com base “em pretextos demasiado facilitistas”, se queira abandonar a hipótese de a escola continuar instalada na cidade.

O eleito da CDU naquela Assembleia de Freguesia invoca o facto de já existir um terreno para o efeito, ao mesmo tempo que põe em causa a capacidade habitacional de Lagares da Beira, entre outras necessidades prioritárias para acolher “a já significativa população estudantil da ESTGOH”. Nuno Oliveira aponta também o dedo ao sistema rodoviário alternativo que possibilite a deslocação dos alunos até à cidade, uma vez que “a sua maioria não possui viatura própria disponível no seu dia-a-dia”. Questiona ainda se já foi efectuado algum estudo que permita comparar os investimentos e dá conta da existência de um processo burocrático e jurídico sobre a ACIBEIRA que já dura há mais de 15 anos.

“Temos de proporcionar qualidade de vida a todos os estudantes que venham”, defendeu Nuno Oliveira, sublinhando que há já “exemplos concretos de alguns alunos que após a licenciatura passaram profissionalmente a fazer parte dos quadros de empresas do concelho”.

Naquela Assembleia de Freguesia, o eleito pela CDU deu ainda conta da necessidade de construção de mais parques de estacionamento na cidade, bem como do reordenamento do trânsito em algumas ruas. Propôs a reutilização das actuais instalações da ESTGOH – depois da mudança – para a acolher a Junta de Freguesia e uma Loja do Cidadão.

Da declaração de Nuno Oliveira fizeram ainda parte as suas preocupações em matéria de Itinerários Complementares, Complexo Desportivo e encerramento do Serviço de Atendimento Permanente no período nocturno.

LEIA TAMBÉM

Cemitério de Nogueira do Cravo vai ser ampliado

A Assembleia Municipal de Oliveira do Hospital aprovou na sexta-feira o alargamento do cemitério de …

LMAN promove “peregrinação” ao Santuário de Nossa senhora das Preces em Vale de Maceira

A Liga de Melhoramentos Desporto e Cultura de Aldeia de Nogueira (LMAN) vai realizar no …