ESTGOH avança para mestrado e mantém lugares abertos nas licenciaturas

Depois de ter iniciado o ano lectivo com mais uma licenciatura – Gestão Integrada em Qualidade, Ambiente e Segurança – a Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Oliveira do Hospital (ESTGOH), em parceria com a Escola Superior de Educação de Coimbra, começa também a marcar pontos no domínio dos mestrados.

Com duas graduações aprovadas no passado mês de Agosto, a ESTGOH prepara-se para avançar com o mestrado em Comércio Electrónico, para o qual as inscrições estão abertas até à próxima sexta-feira, 16 de Outubro.

A nova resposta da ESTGOH dirige-se a licenciados com formação de base em Informática, visando atingir recém-diplomados e profissionais com necessidades de aquisição, reciclagem e aprofundamento de conhecimentos nesta área.

De acordo com a ESTGOH, o Mestrado em Comércio Electrónico visa a qualificação de técnicos de nível superior, que pretendam trabalhar na implementação e desenvolvimento de aplicações de Comércio Electrónico, dotados de competências científicas, técnicas e profissionais em duas áreas distintas, mas complementares: a Engenharia Informática e as Ciências da Gestão.

O futuro graduado será um profissional que possuirá fortes conhecimentos de informática, nomeadamente no desenvolvimento de aplicações web, e, em simultâneo, dominará áreas essenciais da gestão.

A ESTGOH sublinha o facto de esta graduação ser praticamente inexistente em Portugal – “o que é preocupante face à importância crescente das transacções online”, refere em comunicado – e destaca a mais valia do mestrado que reúne “sinergias” de duas unidades do IPC

ESTGOH termina 2ª fase com ocupação de 41,7 por cento 

 Depois de na primeira fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior ter assistido à ocupação de 90 das 160 vagas disponíveis, a ESTGOH sai da segunda fase com 53 lugares preenchidos.

Pese embora os resultados da primeira fase, a verdade é que a ESTGOH partiu para a segunda fase com um total de 127 vagas, devido às vagas sobrantes dos concursos especiais e da falta de matrículas.

Divulgados os resultados da segunda fase, constata-se a dificuldade da ESTGOH em preencher o número de lugares que mantém livres, já que dos 127 lugares a concurso, apenas conseguiu que fossem ocupadas 53 vagas.

Os cursos de Engenharia Civil e Administração e Marketing acabaram por ser os mais procurados, com 14 e 16 alunos colocados. A licenciatura de Administração e Finanças viu preenchidos 11 lugares, sendo seguido pelo Curso de Engenharia Informática com 10 vagas preenchidas. Com apenas dois lugares ocupados ficou a nova licenciatura da ESTGOH.

Com as matrículas da segunda fase a decorrerem até ao final da semana, o número de lugares disponível para a terceira fase é ainda uma incerteza.

LEIA TAMBÉM

CDU reclama transporte público até Ervedal da Beira e acusa Câmara de se esquecer de obras importantes

Os elementos da CDU representados na União das Freguesias de Ervedal da Beira e Vila Franca …

Tábua inaugurou posto de carregamento de veículos eléctricos

A Câmara Municipal de Tábua inaugurou hoje o Posto de Carregamento de Veículos Eléctricos. O …