Estudo de Impacto Ambiental da barragem de Girabolhos entrou fase em consulta pública

Teve início na passada sexta-feira, 12 de Março, a fase de consulta pública do Estudo de Impacte Ambiental da barragem de Girabolhos. Até 11 de Maio, os interessados terão a oportunidade de apresentar as suas opiniões e sugestões, que deverão ser dirigidas ao Director-Geral da Agência Portuguesa do Ambiente.

A barragem de Girabolhos vai abranger vários concelhos, situando-se na sua maioria no concelho de Seia, onde – de acordo com informação autárquica – criará cerca de cinco mil postos de trabalho. A empresa construtora estima que a barragem esteja concluída no segundo semestre de 2015.

Avaliado em 102 milhões de euros, o projecto prevê uma área de intervenção nas freguesias de Girabolhos e Paranhos da Beira (concelho de Seia), Vila Nova de Tázem, Cativelos, Arcozelo, Ribamondego e Vila Franca da Serra (concelho de Gouveia), Fornos de Algodres, Cunha Baixa, Santiago de Cassurães, Póvoa de Cervães e Abrunhosa-a-Velha (concelho de Mangualde), e Senhorim (concelho de Nelas).

LEIA TAMBÉM

Ministro Pedro Marques garantiu em Nelas que a aposta em infra-estruturas de transporte passa pela ferrovia e IP3, ignorando IC6 e IC12

O ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, assegurou ontem em Canas de Senhorim, Nelas, …

José Carlos Alexandrino lança suspeitas sobre queijeiras de Seia nas descargas ilegais no rio Cobral

Como regresso da chuva, os habitantes que vivem próximo do rio Cobral temem que voltem …