Emagrecer ou Mudar de vida? Autor: Luís Marques

EXERCÍCIO FÍSICO E DIABETES TIPO 1. Autor: Luís Marques

A diabetes é uma doença crónica que se carateriza pelo aumento dos níveis de açúcar no sangue (glicemia) e pela incapacidade do organismo em transformar eficazmente toda a glicose proveniente dos alimentos.

Na diabetes tipo 1, o pâncreas não produz insulina em quantidade suficiente, com qualidade suficiente ou ambas as situações. A consequência mais direta é a incapacidade do organismo em absorver o açúcar necessário. Neste caso, típico das idades mais jovens, é necessário administrar insulina e por isso a denominação de insulinodependentes.

Um diabético insulinodependente pode fazer exercício?

Pode e deve, depois de consultar o seu médico, a atividade física deverá fazer parte das rotinas diárias, promovendo a regulação da glicemia e, como tal, redução da medicação; diminuição da percentagem de gordura corporal e a resistência à insulina a si associada; diminuição do risco de acidente cardiovascular; aumento da funcionalidade cardiorrespiratória.

Que tipo de exercício é recomendável?

TREINO AERÓBIO – para o reforço da componente cardiorrespiratória

Intensidade- Moderada a vigorosa; Atividade moderada corresponde, por exemplo, à caminhada, corrida ou natação, a uma velocidade em que consiga manter uma conversa; Exercício vigoroso é aquele em que a intensidade é elevada ao ponto de a pessoa sentir dificuldade em falar, estado ofegante.

Duração- Entre 45 a 60 minutos por sessão.

Frequência- 3 a 4 vezes por semana, sendo que nunca ficar mais de 2 dias consecutivos sem exercício.

Forma- Caminhada, corrida, ciclismo, natação, etc. Deverá escolher sempre formas que se ajustem aos seus gostos e limitações. Alternar, durante o exercício, atividades menos intensas e mais intensas (ex: caminhar 2 minutos e correr 1 minuto).

Orientação- Iniciar com intensidades e durações reduzidas ajustadas às suas possibilidades, aumentando de intensidade e duração de forma gradual.

TREINO DE FORÇA

Intensidade- Moderada e vigorosa.

Repetições por exercício- 2 a 4 séries de 8 a 10 repetições.

Duração- 30 minutos por sessão.

Frequência- sempre no final ou no início dos treinos aeróbios.

Forma- Utilizar exercícios com recrutamento de uma percentagem elevada de massa muscular. Respire normalmente. Movimentos lentos e controlados.

Orientação- Iniciar com pesos considerados leves, aumentando a carga de forma gradual.

Recomendações genéricas

Depois de consultar o seu médico, o diabético deve seguir algumas recomendações importantes para o exercício ser seguro e eficaz.

  1. Realizar o treino aérobio, caminhada ou corrida, acompanhado, especialmente nas primeiras vezes. Caso o realize sozinho, levar sempre o telemóvel e identificação para no caso de se sentir indisposto poder comunicar com alguém;
  2. Transportar consigo hidratos de carbono de fácil absorção para uma eventual crise de hipoglicemia (pacote de açúcar);
  3. Ingerir hidratos de carbono antes do exercício, caso este tenha mais de 30 minutos;
  4. Não realizar exercício físico se em jejum a glicemia estiver acima dos 250mg/dl;
  5. Ingerir hidratos de carbono se a glicemia estiver abaixo de 100 mg/dl;
  6. Não exercitar os músculos onde administrou a insulina;
  7. Avaliar a glicemia antes e depois do exercício quando inicia ou muda de plano de treino;
  8. Parar a atividade em caso de indisposição. Consulte o seu médico;
  9. Use meias brancas. Uma das complicações da diabetes são as neuropatias periféricas e os pés são das partes do corpo as mais atingidas. Deve estar atento a qualquer sangramento e tratar de imediato a ferida. As meias brancas ajudam a detetar mais facilmente uma gota de sangue por mais pequena que seja;
  10. Utilizar calçado confortável e meias pouco abrasivas, não poupe no que toca aos seus pés;
  11. Não esquecer o treino de reforço muscular, evitar o exagero do estímulo aeróbio.

Bibliografia: José Soares, Professor Catedrático de Fisiologia da Universidade do Porto, in Revista J, Nº 454 e 455

Emagrecer ou Mudar de vida? Autor: Luís MarquesAutor: Luís Marques

LEIA TAMBÉM

“CORO” DA HEGEMONIA PS NA CÂMARA E NA ASSEMBLEIA MUNICIPAL ACTUOU DURANTE A EDIÇÃO 2018 DA EXPOH – OLIVEIRA DO HOSPITAL. Autor: João Dinis

Escrevo este “opinião” a 30 de Julho de 2018. Ontem à noite, fui a Oliveira …

Comissão Europeia apoia promoção dos produtos agrícolas europeus. Autor: Sofia Colares Alves

Nos últimos anos, a União Europeia mostrou ser líder mundial do comércio de produtos agroalimentares …