EXPOH 2013 bateu record de visitantes

Cerca de 42 mil pessoas visitaram a EXPOH que, no domingo, terminou em Oliveira do Hospital. O espetáculo de Tony Carreira superou as expectativas da organização que, por esta altura, faz um balanço positivo do certame que é entendido “como a grande feira do interior do distrito de Coimbra”.

Confirmaram-se as expectativas que a Câmara Municipal de Oliveira do Hospital centrou na ExpOH 2013, que decorreu no Parque do Mandanelho entre 27 de julho e 4 de agosto e onde cerca de 42 mil visitantes disseram “presente”.

Números que refletem o crescimento da feira que num primeiro ano (2010) contou com 25 mil presenças. “Volvido o ciclo de quatro anos, a EXPOH afirma-se como grande feira da região interior centro”, afirmou ao correiodabeiraserra.com o vice-presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital que, numa primeira instância, atribui o sucesso alcançado à aposta feita no cartaz que este ano foi responsável por trazer a Oliveira do Hospital o “artista nacional do momento”.

“O pico foi o espetáculo de Tony Carreira”, referiu José Francisco Rolo, contando que o artista chamou à EXPOH 9800 visitantes, batendo o record alcançado em 2011 por Emanuel, cujo espetáculo tinha sido visto por cerca de 7500 visitantes. A ajudar à festa estiveram também as atuações de David Carreira e de Adriana Lua que atraíram perto de nove mil pessoas ao Mandanelho e permitem agora à organização assegurar que se cumpriram as expectativas.

tonyOH“Foram superadas as marcas que tínhamos previsto”, garantiu José Francisco Rolo que, do mesmo modo, se diz surpreendido com a boa adesão de visitantes à feira em noites animadas por iniciativas como o encontro de concertinas ou o Soltem Talentos. “O encontro de concertinas levou tanta gente ao Mandanelho como o Quim Barreiros”, observou o vice presidente da Câmara oliveirense que considera acertada a aposta feita no cartaz e que muito beneficiou das “boas relações” existentes entre o presidente da Câmara e a “família Carreira”. “O investimento da Câmara na organização da ExpOH situa-se nos 70 mil Euros”, referiu ainda o responsável, considerando também fundamental para a boa organização do certame os apoios financeiros conseguidos por via da ADI e da ADIBER.

Ao mesmo tempo que bateu records de visitantes, a ExpOH conseguiu em 2013 reunir o maior conjunto de expositores desde que foi criada em 2010. No conjunto, foram cerca de 170 os stands empresariais, institucionais, tasquinhas e bares que marcaram presença no Parque do Mandanelho e que levam a Câmara Municipal a considerar que é preciso repensar a ExpOH.

“Vai precisar de um novo fôlego”, admite José Francisco Rolo que, por esta altura, fala da necessidade de a feira crescer em espaço físico, podendo a solução passar pela parte inferior do Parque do Mandanelho.

Em causa está, como explicou, um crescimento que estará sempre dependente das condições financeiras impostas ao município nos próximos anos. “Estamos dependentes de circunstâncias”, contou o responsável, assegurando porém que “a ambição é fazer crescer a ExpOH que está alicerçada como grande mostra do interior do distrito de Coimbra” e é vista como “um bom investimento que tem retorno em termos de projeção da marca Oliveira do Hospital na região e no país”.

LEIA TAMBÉM

Incêndios causaram mais de 10 milhões de euros de prejuízos em Seia

Os prejuízos financeiros causados pelos incêndios dos dias 15, 16 e 17 de Outubro no …

idosos

Idoso desaparecido em Trancoso

Os Bombeiros e a GNR estão a procurar um homem de 90 anos que foi …

  • Mário Carvalho

    Mais uma vez estes números estão errados e pecam por excessiva humildade. Este ano na EXPOH estiveram cerca de 7 milhões de pessoas!

  • Blitz

    What?????????????