GNR realizou ontem 40 detenções em flagrante delito, sete das quais por roubo

Filho preso por suspeitas de ter matado mãe com martelo em Viseu

O homem de 37 anos suspeito de ter matado a mãe em Santarinho, no concelho de Viseu, desferindo-lhe várias pancadas na cabeça com um martelo, foi detido ao início da noite de ontem. Nuno Miguel Sousa foi localizado e interceptado por uma patrulha da PSP na rua Cândido dos Reis, no centro da cidade de Viseu, segundo revela o Correio da Manhã. Alice Ferreira Cândido, que na segunda-feira tinha feito 75 anos, foi encontrada morta na noite de sábado, mas já não era vista pelos vizinhos desde quarta-feira.

O filho, Referenciado por tráfico e consumo de droga, terá agredido a mãe até à morte depois da idosa se ter recusado a dar-lhe dinheiro para a droga. Revoltado, agarrou num martelo e desferiu várias pancadas na cabeça de Alice Cândido, que terão sido fatais. Abandonou o local e deixou o martelo em cima da cama da mãe. O corpo foi descoberto por outro filho, José Fernando, de 52 anos, que foi alertado por uma vizinha da mãe. Quando chegou a casa e encontrou a vítima já sem vida, caída no chão, atrás do sofá.

“Não tive coragem de chegar perto do corpo mas vi que era a minha mãe”, referiu, ainda em choque, ao adiantar que o irmão tinha “o telemóvel desligado”. José Fernando está destroçado e quer justiça: “Tendo sido um familiar ou outra pessoa queremos saber a verdade”.

Segundo os vizinhos, a relação entre Alice e Nuno, que partilhavam a mesma casa, deteriorou-se nos últimos anos devido ao vício de droga. São vários os que relatam episódios de violência de que a mulher foi vítima às mãos do filho. Uma moradora recorda uma agressão recente do filho após a idosa ter recebido alta hospitalar. A PJ do Centro está a investigar.

LEIA TAMBÉM

Mais de duas toneladas de queijo denominado Serra da Estrela apreendidos em Seia

Mais de duas toneladas de queijo indevidamente classificado com denominação de origem protegida (DOP) Serra …

Homem de 47 anos detido depois de violar mulher em Coimbra que conheceu via Facebook

Um homem de 47 anos, empregado na construção civil, foi detido pela Polícia Judiciária depois …