Funcionário público detido na região de Viseu por apropriação de objectos apreendidos judicialmente

Funcionário público detido na região de Viseu por apropriação de objectos apreendidos judicialmente

A Polícia Judiciária (PJ), através da Directoria do Centro, com a colaboração da GNR de Viseu, deteve um homem, funcionário público, por suspeita de crimes de peculato, descaminho e detenção de armas proibidas. O detido ter-se-á apropriado de centenas de objectos apreendidos judicialmente.

O suspeito, ao longo de um período “ainda não concretamente determinado, apropriou-se ilegitimamente e em proveito próprio de várias centenas de objectos, entre os quais viaturas e armas, de valor consideravelmente elevado, todos eles apreendidos no âmbito de processos investigados ou em investigação, e que lhe estavam acessíveis em razão das suas funções”, refere um comunicado da PJ.

O detido, de 60 anos de idade, vai agora ser presente às autoridades judiciárias para primeiro interrogatório e subsequente aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

LEIA TAMBÉM

Incêndios causaram mais de 10 milhões de euros de prejuízos em Seia

Os prejuízos financeiros causados pelos incêndios dos dias 15, 16 e 17 de Outubro no …

idosos

Idoso desaparecido em Trancoso

Os Bombeiros e a GNR estão a procurar um homem de 90 anos que foi …