Funcionário público detido na região de Viseu por apropriação de objectos apreendidos judicialmente

Funcionário público detido na região de Viseu por apropriação de objectos apreendidos judicialmente

A Polícia Judiciária (PJ), através da Directoria do Centro, com a colaboração da GNR de Viseu, deteve um homem, funcionário público, por suspeita de crimes de peculato, descaminho e detenção de armas proibidas. O detido ter-se-á apropriado de centenas de objectos apreendidos judicialmente.

O suspeito, ao longo de um período “ainda não concretamente determinado, apropriou-se ilegitimamente e em proveito próprio de várias centenas de objectos, entre os quais viaturas e armas, de valor consideravelmente elevado, todos eles apreendidos no âmbito de processos investigados ou em investigação, e que lhe estavam acessíveis em razão das suas funções”, refere um comunicado da PJ.

O detido, de 60 anos de idade, vai agora ser presente às autoridades judiciárias para primeiro interrogatório e subsequente aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

LEIA TAMBÉM

Câmara de Seia diz que turismo no concelho cresceu de forma acentuado, muito acima dos concelhos vizinhos como Oliveira do Hospital

O concelho de Seia verificou um crescimento acentuado quando comparado com o aumento dos números …

PJ deteve suspeito de atear mais de 50 fogos em Seia, Guarda e Nelas

Encontrada em Gouveia mais uma provável vítima mortal dos incêndios de Outubro

As autoridades encontraram ontem os restos mortais que acreditam ser de Rui Costa, um habitante …