Funcionário público detido na região de Viseu por apropriação de objectos apreendidos judicialmente

Funcionário público detido na região de Viseu por apropriação de objectos apreendidos judicialmente

A Polícia Judiciária (PJ), através da Directoria do Centro, com a colaboração da GNR de Viseu, deteve um homem, funcionário público, por suspeita de crimes de peculato, descaminho e detenção de armas proibidas. O detido ter-se-á apropriado de centenas de objectos apreendidos judicialmente.

O suspeito, ao longo de um período “ainda não concretamente determinado, apropriou-se ilegitimamente e em proveito próprio de várias centenas de objectos, entre os quais viaturas e armas, de valor consideravelmente elevado, todos eles apreendidos no âmbito de processos investigados ou em investigação, e que lhe estavam acessíveis em razão das suas funções”, refere um comunicado da PJ.

O detido, de 60 anos de idade, vai agora ser presente às autoridades judiciárias para primeiro interrogatório e subsequente aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

LEIA TAMBÉM

Ano de 2019 vai ter três fins-de-semana prolongados e quatro possibilidades de “pontes”

O ano de 2019 vai ter dois feriados à sexta-feira e um numa segunda-feira, permitindo …

Mais de duas toneladas de queijo denominado Serra da Estrela apreendidos em Seia

Mais de duas toneladas de queijo indevidamente classificado com denominação de origem protegida (DOP) Serra …