Galitos bate Sampaense após dois prolongamentos

Foram precisos dois prolongamentos para se encontrar o vencedor do jogo entre o Galitos Barreiro e o Sampaense Basket que teve ontem lugar no Pavilhão Municipal Luís de Carvalho.

A vitória acabou por sorrir ao Galitos Barreiro Tley (101-96) se bem que no final do tempo regulamentar as duas equipas poderiam perfeitamente ter decidido o encontro, e no final do 1º prolongamento a equipa de S. Paio de Gramaços esteve numa situação previligiada para vencer o encontro.

Durante o tempo regulamentar foi o Sampaense que dominou grande parte do jogo. Ao intervalo vencia por sete pontos de diferença (41-34), e a pouco mais de um minuto do final do 3º tempo dispunha de uma vantagem de dezasseis pontos (67-51). Cinco pontos sem resposta colocavam a formação da margem sul mais perto no marcador (56-67).

No último período, dez pontos consecutivos de Miguel Minhava voltavam a colocar o Galitos na discussão do resultado (71-76). E seria o próprio a 17 segundos do fim, com o resultado em 79-77 favorável ao Galitos, a desperdiçar dois lances livres que selariam o jogo. Falta em ato de lançamento de 3 pontos sobre Jovonni Shuler que a 3 segundos do fim tinha a possibilidade de fechar o encontro. Marcou dois obrigando o jogo a ir para prolongamento.

Nos primeiros 5 minutos extra, a equipa da margem sul a 29 segundos do final perdia por seis pontos de diferença (79-85), sem ter feito qualquer ponto nesse período. Não lhe restava outra alternativa que não fosse parar o relógio com faltas, obrigando o Sampaense a ter que ir para a linha de lance-livre. Dos seis de que dispôs desperdiçou cinco, e Minhava conseguia empatar mesmo no final.

No segundo prolongamento, a equipa do Barreiro esteve sempre na frente do marcador, por diferenças curtas, é certo, várias delas pela diferença mínima. Mas desta vez a linha de lance-livre não iria trair os comandados de António Paulo Ferreira, com Minhava selar a vitória ao converter os últimos 4 pontos da equipa.

O base Miguel Minhava (38 pontos, 11 ressaltos e 6 assistências) acabou por ser decisivo nos momentos mais difíceis vividos pela equipa, tendo contado com a ajuda de Quinton Doggett (15 pontos) e Andrew Bachanov (13 pontos).

Joel Almeida (32 pontos) foi o elemento da equipa do Sampaense que mais se destacou em termos ofensivos, seguido depois por Christopher Jr. com 19 pontos e Jovonni Shuler autor de 18 pontos e 12 ressaltos. Mas a exibição de Eki Viana (15 pontos, 14 ressaltos e 5 assistências) foi a mais bem conseguida no conjunto de S. Paio de Gramaços.

fpb.pt

LEIA TAMBÉM

GNR realizou ontem 40 detenções em flagrante delito, sete das quais por roubo

Filho preso por suspeitas de ter matado mãe com martelo em Viseu

O homem de 37 anos suspeito de ter matado a mãe em Santarinho, no concelho …

Um morto e dois feridos em acidente em Viseu

Uma colisão entre dois veículos ligeiros hoje de manhã, em Sátão, distrito de Viseu, provocou …