Cinco mortos registados na operação "Todos os Santos"

GNR deteve 179 pessoas durante o fim-de-semana, a maioria por excesso de álcool

Um total de 179 pessoas foram detidas pela GNR no passado fim-de-semana, a grande maioria, 126, por conduzir sob efeito do álcool, informou hoje a corporação em comunicado.

No decorrer das operações do fim-de-semana, em quase todo o país, foram detidas ainda 28 por condução sem carta, cinco por tráfico de estupefacientes, duas por posse de armas proibidas, duas por furto e uma por violência doméstica.

A GNR fiscalizou 7.879 condutores e detectou 2.447 infracções, a maior parte excessos de velocidade.

No âmbito da operação “Moto” a GNR intensificou de sexta-feira a domingo a fiscalização de motociclos, tendo detido 17 condutores. A falta de carta e o excesso de álcool foram as principais causas. Segundo o comunicado da GNR foram fiscalizados 5.078 motociclistas e foram detectados 38 com deficiente iluminação e sinalização, 30 sem seguro e noutros oito falta ou incorrecta posição do capacete.

Na mesma altura, segundo o comunicado, foram apreendidas 2.585 doses de haxixe, 37 de cocaína, 10 de heroína, 12 pés de cannabis, três armas de fogo, duas armas brancas, dois automóveis e mais de mil euros em dinheiro.

LEIA TAMBÉM

Denuncia do grupo do empresário Fernando Tavares Pereira coloca IMT sob investigação do DIAP

Duas empresas do grupo Tavfer, do empresário Fernando Tavares Pereira, a CIMA – Centro de …

Universidade de Coimbra aposta na folha de mirtilo para tratamento da Esclerosa Múltipla

Um projecto de investigação da Universidade de Coimbra aposta no potencial terapêutico da folha de …