GNR deteve suspeito de atear fogo florestal em Viseu

A GNR anunciou hoje a detenção de um homem, de 56 anos, suspeito de atear um incêndio florestal no domingo na localidade de Távora, no concelho de Tabuaço, no distrito de Viseu. Segundo a GNR, “o suspeito foi retido por populares que o viram a sair de um espaço florestal onde teve início um incêndio”, que consumiu um hectare de mato e pinheiros.

A GNR apreendeu um isqueiro e uma navalha. O detido foi constituído arguido e ficou sujeito a termo de identidade e residência.

No mesmo dia, militares da GNR identificaram um homem de 35 anos suspeito da autoria de um incêndio florestal que deflagrou na localidade de Miomães, no concelho de Resende, no mesmo distrito.

Este incêndio “consumiu mais de um hectare de carvalhos, pinheiros e mato”, refere. A GNR entregou o homem à Policia Judiciária do Porto, que deu continuidade às diligências de inquérito.

 

 

LEIA TAMBÉM

Autarcas avançam para tribunal para travar fecho dos CTT nas Beiras e Serra da Estrela

A Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela (CIM-BSE) anunciou hoje que vai avançar …

Líder parlamentar do PSD questiona António Costa sobre a reconstrução das casas afectadas pelos incêndios.

O líder parlamentar do PSD, Fernando Negrão, pediu ontem explicações ao primeiro-ministro sobre o reduzido número …