GNR deteve um homem em Oliveira do Hospital por furtos, outro em Seia e um traficante em Fornos de Algodres

O Núcleo de Investigação Criminal de Santa Comba Dão da GNR identificou ontem um homem, de 32 anos, em Oliveira do Hospital por furto em obras de construção. No âmbito de uma investigação por furto em obras de construção, nos concelhos de Carregal do Sal, Tábua e Oliveira do Hospital, foi efectuada uma busca domiciliária e duas não domiciliárias, tendo sido apreendido diversas ferramentas de construção civil, e outros materiais. Esta operação contou com o apoio de militares de Oliveira do Hospital. O suspeito foi constituído arguido e sujeito a Termo de Identidade e Residência.

Já a GNR de Gouveia deteve um homem de 36 anos por vários crimes de furto no concelho de Seia, enquanto a mesma força policial detinha em Fornos de Algodres um indivíduo por tráfico de estupefacientes.

O primeiro suspeito tem já antecedentes criminais e encontra-se referenciado como autor de diversos crimes de furto em residência e em veículo no concelho de Seia. As investigações conduzidas pelo Núcleo de Investigação Criminal de Gouveia permitiram fundamentar a emissão do mandado de detenção para alterar as medidas de coação a que se encontrava sujeito, tendo o Tribunal de Seia ontem decretado a medida de coação de prisão preventiva.

Em Fornos de Algodres, o núcleo de Investigação Criminal da Guarda, deteve ontem, um indivíduo por tráfico de estupefacientes. O suspeito foi interceptado numa operação de combate à pequena criminalidade, tendo sido efectuada uma busca à sua residência onde foram apreendidos: 17 pés de plantas de cannabis, 631 gramas de cannabis, centenas de sementes de cannabis, duas balanças de precisão, vários sacos para acondicionamento do produto estupefaciente e ainda uma soqueira.

LEIA TAMBÉM

Incêndios causaram mais de 10 milhões de euros de prejuízos em Seia

Os prejuízos financeiros causados pelos incêndios dos dias 15, 16 e 17 de Outubro no …

idosos

Idoso desaparecido em Trancoso

Os Bombeiros e a GNR estão a procurar um homem de 90 anos que foi …