GNR GNR deteve mais de uma centena de pessoas e apreendeu droga e armas de fogo

GNR fez 122 detenções em flagrante delito durante o fim-de-semana e apanhou mais de mil condutores em excesso de velocidade

A Guarda Nacional Republicana, num conjunto de operações, durante o fim-de-semana, das quais resultaram 122 detenções em flagrante delito, particularmente por condução sob o efeito de álcool (77). A Acção daquela força de segurança, de prevenção e combate à criminalidade violenta, que incluiu o distrito de Coimbra e Guarda, resultou ainda em 2217 multas, em 23 detenções 23 por condução sem habilitação legal, duas por tráfico de estupefacientes e uma por furto.

No âmbito do trânsito foram fiscalizados 6240 condutores e detectadas 4037 infracções, dos quais se destacam 193 por condução com taxa de álcool no sangue superior ao permitido por lei, 1054 excessos de velocidade (em 39627 controlos), 17 relativas a excesso ou deficiente acondicionamento de carga e 18 relacionadas com tacógrafos.

As apreensões mais significativas nesta operação da GNR passou 200,75 doses de haxixe, 32 selos de LSD, 52,85 gramas de canábis, quatro armas brancas, 12 engenhos pirotécnicos, três veículos ligeiros e 400 euros em numerário.

LEIA TAMBÉM

idosos

Idoso desaparecido em Trancoso

Os Bombeiros e a GNR estão a procurar um homem de 90 anos que foi …

frio

Frio vai acentuar-se amanhã, mas sem previsão de chuva para os próximos dias

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para amanhã uma descida das …