HBC: Ministro da Economia “mostrou disponibilidade para se encontrar uma solução”

Ainda que inconclusiva, a reunião realizada sexta-feira no ministério da Economia com o Governo Civil, Câmara Municipal, Segurança Social, IAPMEI, Sindicato dos Têxteis e Vestuário do Centro e potencial investidor foi reveladora da “disponibilidade dos organismos de Estado para se encontrar uma solução para a HBC”.

A garantia foi dada há instantes ao correiodabeiraserra.com, pelo vice-presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital que, também, adiantou que “agora há que aprofundar negociações a um nível mais técnico”.

Explicando que a reunião de sexta-feira deu início a um conjunto de outras reuniões que carecem de ser realizadas – a primeira acontece já nesta semana – José Francisco Rolo lembrou que para além das intenções do potencial investidor, existe um outro processo que tem a ver com a “situação jurídica da empresa” e um outro ligado “às ajudas dos organismos do Estado para o retomar da actividade”.

Sem condições para avançar decisões concretas, o número dois da autarquia oliveirense cingiu-se a assegurar que todos organismos envolvidos no processo estão empenhados em resolver o impasse da HBC.

“Há um ambiente de disponibilidade das partes para aprofundar negociações e para se encontrar uma solução”, referiu José Francisco Rolo, garantindo que “o município vai acompanhar com todo o empenho este processo”.

Escusando-se a adiantar qualquer informação sobre o investidor interessado na unidade de confecções localizada na Zona Industrial e desactivada há quase um ano, Rolo disse esperar que o processo de viabilização “seja ágil” e garanta “a criação de postos de trabalho”.

“Há a tramitação legal que tem que ser seguida”, observou o vice-presidente, sublinhando que do lado do investidor também tem que surgir “um projecto credível”.

Num processo que considera estar ainda na fase inicial, José Francisco Rolo não arrisca prever o seu desfecho, preferindo verificar que “existe uma solução” e que todas as partes vão trabalhar por ela.

LEIA TAMBÉM

Primeiro-ministro vê nas biorefinarias uma “oportunidade” para aproveitar a floresta e elogia trabalho desenvolvido na BLC3

O primeiro-ministro destacou ontem na inauguração do Campus de Tecnologia e Inovação BLC3, em Oliveira do …

António Costa remete construção do IC6 para “quando haja condições financeiras”

O primeiro-ministro não se compromete com uma data para a construção do IC6 entre Tábua …