Gripe A

Hospital da Guarda diagnosticou este mês 13 casos de Gripe A

A Unidade Local de Saúde (ULS) da Guarda anunciou hoje que o serviço de urgências do hospital daquela cidade diagnosticou este mês 13 casos de Gripe A e deu uma “resposta eficaz” à situação.

“Foram diagnosticados nas últimas horas, no serviço de urgências da ULS da Guarda, seis casos de Gripe A. Desde o início do mês até à data contabilizaram-se no total 13 casos”, refere um comunicado do Gabinete de Comunicação e Imagem daquela unidade de saúde, acrescentando que nesta altura mantém-se “em observação”, no serviço de urgências, um utente, “estando outro na Unidade de Cuidados Intensivos”.

A fonte sublinha ainda que “não há qualquer motivo acrescido para alarme” junto da população da cidade mais alta do país, assegurando que a ULS da Guarda “dispõe de todas as condições de resposta eficaz para este tipo de situações”. Mas por “uma questão de precaução e para evitar a propagação da doença”, a ULS aconselha as pessoas antes de se deslocarem aos Serviços de Saúde contactem primeiro a linha de Saúde 24 através do número de telefone 808242424.

A Gripe A é uma doença provocada pelo novo vírus da gripe pandémica (H1N1) 2009. Este subtipo de vírus, que apareceu recentemente e tem capacidade de infectar os seres humanos, contém genes das variantes humanas, aviária e suína do vírus da Gripe e apresenta uma combinação nunca antes observada em todo o Mundo. Em contraste com o vírus típico da gripe suína, este novo vírus da gripe pandémica (H1N1) 2009 é transmissível entre os seres humanos.

LEIA TAMBÉM

Um ferido grave em despiste de tractor em Seia

Um homem de 68 anos ficou hoje ferido com gravidade devido ao despiste de um …

Aldeias de Montanha reforçam aposta no ciclismo de montanha com inauguração de nova infra-estrutura em Seia

O município de Seia reconverteu a antiga escola primária de Santa Comba de Seia que …