Incêndio em lar em Arganil obriga a transporte de idosos para centro de saúde

Treze idosos e dois funcionários foram transportados para o centro de saúde de Arganil devido a um incêndio que deflagrou esta madrugada no lar da Santa Casa e que já se encontra extinto. Os pacientes terão inalado de fumo e no local estiveram 18 viaturas e 41 bombeiros.

Os idosos e as funcionárias já se encontram “livres de perigo”, incluindo duas utentes que tinham sido “levadas por precaução” para o serviço de urgências do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC). “A situação está estabilizada”, adiantando que ao longo do dia, “todos os utentes serão reinstalados” nos edifícios da Estrutura Residencial para Idosos (ERPI) da Misericórdia de Arganil.

As informações preliminares do Comando Distrital de Operações de Socorro de Coimbra, pelas 5h30, referem que as 15 pessoas tinham sido transportadas para o centro de saúde de Arganil, após um incêndio que deflagrou cerca das 4h15. Os utentes e funcionários transportados para o centro de saúde encontravam-se no segundo piso do edifício, onde deflagraram as chamas, sendo ainda desconhecida a causa do incêndio, mas que poderá ter tido origem num curto-circuito.

LEIA TAMBÉM

IMT vai recorrer de decisão que declarou ilegal fecho de centro de inspecção automóvel de Seia

O Instituto de Mobilidade e Transportes (IMT) anunciou que vai recorrer das decisões judiciais que …

Dez detidos em Seia por tráfico de droga

A GNR de Gouveia deteve, entre os dias 1 e 3 de Setembro, oito homens …