João Paulo Albuquerque

João Paulo Pombo de Albuquerque é o candidato pelo PSD à Câmara Municipal de Oliveira do Hospital

João Paulo Pombo de Albuquerque é o candidato pelo PSD à Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, anunciou ontem a Comissão Nacional do PSD em comunicado. Este engenheiro mecânico, especializado em metalurgia, de 47 anos, foi a escolha da Comissão Política concelhia oliveirense dos sociais-democratas para tentar recuperar a autarquia ao PS.

Ex-amigo do actual presidente da autarquia, José Carlos Alexandrino, João Paulo Pombo Albuquerque tem sido uma voz muito crítica em relação à gestão municipal socialista nos últimos anos. É também uma figura próxima de António Lopes, o homem que foi eleito presidente da Assembleia Municipal nas últimas eleições, mas que pouco depois do início do mandato se transformou no principal opositor das políticas defendidas pela maioria absoluta que tomou conta da gestão do município, acabando mesmo por ser afastado do cargo, num processo que ainda corre nos tribunais. José Carlos Alexandrino, o provável candidato do PS, mantém, entretanto, a sua recandidatura dependente do Governo avançar ou não com a construção do IC6.

Residente em Ervedal da Beira, João Paulo Pombo de Albuquerque formou-se em engenharia mecânica (Mechanical and Manufacture Engineering) na “University of Glamorgan” em Cardiff, País de Gales, graças a uma bolsa de estudos que conquistou. Especializou-se depois, mestrando em engenharia metalúrgica (Physical Metallurgy) na “Leeds University”, em Leeds, Inglaterra. Trabalha no ramo metalúrgico, mais ligado à construção metálica, dimensionando, projetando, produzindo e montando variadíssimas estruturas, desde simples a complexas, com algumas obras de destaque nacional. Na sua actividade profissional exerceu cargos desde director de produção a director geral em empresas de referência nacionais. O seu envolvimento nesta área passou também por vários países europeus e africanos.

LEIA TAMBÉM

António Costa deverá visitar Oliveira do Hospital depois do dia 13 de Maio para dar conforto à recandidatura de José Carlos Alexandrino

O primeiro-ministro António Costa deverá deslocar-se a Oliveira do Hospital, como havia referido o presidente …

PSD de Oliveira do Hospital quer aposta na formação profissional

O PSD de Oliveira do Hospital mostrou-se na última Assembleia Municipal preocupado com aquilo que …

  • Agora Vai

    Mais um motivo para o Alexandrino pensar na vida. Com o João Paulo na vereação, mesmo que não ganhasse,e acho que tem condições para ganhar, e com a possibilidade do Lopes também se sentar na mesa, vai ser um espectáculo digno de se ver. Vai ser mais difícil ir para as reuniões de Câmara ofender toda a gente e decidir festarolas a torto e a direito, como até agora…

    • zé garcia

      Passadas todas estas horas nem um simples comentário dos habituais escrevinhadores. Aqui há gato… o sr. António Lopes estará de viagem? e os heteróminos/pseudóminos do Sr. Pombinho estarão estarão a aguardar reparação do computador partilhado? Meu Deus que confusão no pombal.

      • António Lopes

        A ideia que me dá é que anda um pouco nervoso,Senhor “Zé Garcia”..
        Agora é tempo de “escrevinhar” propostas sérias e exequíveis. Porque se for para “PALAVRA DADA É PALAVRA DESONRADA” então “escrevinhava”. Sabe, pessoa atenta e responsável como costumo ser, ainda estou à espera de saber se são 16, se são 21, as listas às Freguesias. Não sei se se deu conta que, o Senhor Primeiro Ministro, então candidato,disse que se ganhasse as eleições a lei que extinguiu as freguesias seria revogada.Eu estou à espera. Nesta legislatura não volta a haver eleições autárquicas.Logo é legítima a minha expectativa.Ou não..? Se gosta de aldrabões , não precisa de se preocupar comigo ou com outras propostas de quem cumpre o que se propõe.Siga com esses que lhe dizem o que gosta de ouvir e se esquecem no dia de empregar os afilhados e o resto da família. Eu disse que era candidato se o actual Presidente o for. Porque será que ele não anuncia a candidatura..? Há dias já aqui disse para ver se ele se despachava.Não leu o “escrevinhanço”? Mantenha a calma.Para por o Alexandrino no Lugar dele não é preciso muito tempo.O MA era mais sólido, e foi..! Sei as medidas do Concelho, 234 Km2 e sei o número de pessoas com quem tenho que falar. 20 855 +-.E sei o tempo que preciso para lhe apresentar as minhas propostas.Sendo que, com uma uma parte destes, nos quais o Senhor se inclue, não vou perder nem o tempo, nem a água e o sabão…Quando muito arranjo-lhes um bocado de “milho.” Os burros” com a “ração aumentada” já mudam … Com vê, está tudo pensado e organizado…o Homem que anuncie a candidatura..! Vá é deitando os olhos e veja se arranja alguma coizinha para fazer que a “Municipal teta”,pode estar em vias de “secar”…
        Os meus cumprimentos..E mande lá o Recado ao Costa, para revogar a lei…

        • zé garcia

          Retribuindo os cumprimentos apenas garanto que a lógica das “tetas”municipais,regionais ou nacionais não se aplicam a quem está 8oo Klm. de distância( por mais debochadas que elas pudessem ser)..Registo apenas a lógica provinciana do compadrio e “compra” de votos em troca de empregos ou outras coisas mais graves… Poderiam ser consideradas normais em alguns oliveirenses que julgam que as Caldas de S.Paulo são a melhor praia de Portugal ,mas no Senhor… uma pessoa com mundo…francamente.
          P.S.-1- Não compreendi o acrónimo MA
          2- Fico a aguardar à distância a sua candidatura e espero sinceramente que não seja como independente na lista do PSD.
          3-Não conheço o Sr. Carlos Alexandrino, mas conheci o seu pai.

          • Matilde Costa

            Só ficava bem ao Sr Lopes, ir como independente na lista PSD.
            Aliás não vejo outra maneira de ir.

          • António Lopes

            O que faltam são maneiras de ir…O meu problema não é a forma.É o objectivo. E são dois.

            1º-Dar o meu contributo, desinteressado,como sempre o fiz, ao progresso do Concelho.

            2º-Que implica a realização do primeiro, corrigir o erro que fiz há oito anos e tentar colocar à frente dos destinos Concelhios quem seja capaz de cumprir o objectivo.

            Para conseguir isso, posso ser candidato, posso ser apoiante,
            posso ser coligado E preciso é que se faça.Não interessa quem.Desde que ofereça garantias…

            Para já preciso é saber se a “limpeza” se faz naturalmente, pela desistência do “problema”, ou se tem que se preparar uma “vassoura” capaz de fazer a “limpeza”…

          • António Lopes

            Lénine, disse :”desde que sirva os nossos objectivos faz-se negócio nem que seja com o Diabo”. Afastar Alexandrino é um acto de higiene politica, e do maior interesse para a “saúde” do Concelho que justifica tudo o que tenha que ser feito.Por Oliveira, tudo..! No meu caso, que assumo que sou o principal responsável por ele estar lá, tenho a dupla obrigação de o retirar. De resto a maioria dos Oliveirenses, nas eleições Nacionais, vota PSD.Tenho os Oliveirenses por pessoas de bem, por isso gosto tanto do Concelho.Se quero o voto deles, por certo terei que me aproximar dos seus anseios e forma de pensar.Do que eles nunca terão dúvidas é da minha forma de estar e pensar, politicamente.E isso, nunca foi motivo de afastamento reciproco.Eu falo claro e cumpro o que digo.Por isso me afastei do meu partido de sempre, quando um dos representantes dizia que não e fazia que sim e me afastei do PS, quando vi que o problema deles era o poder, e o que ele proporciona, no pior sentido do termo.Veja o que se passa. A BLC já foi toda.Nós pagamos outros disfrutam. Veja a lista dos que entraram ultimamente…(não vá o Diabo tece-las)..Tenho algumas qualidades mas ainda não possuo aquele equipamento que identifica as pessoas à distancia, pela diferença térmica. Logo vou admitir que está, efectivamente, a essa distância.Mas não me parece…MA quer dizer Mário Alves.Vou fazer de contas que a dúvida é sincera.Depois, se se identificasse, como eu faço, já não havia esse tipo de problemas.De resto “tetas partidárias” atingem o território Nacional e as embaixadas no estrangeiro.Em Bruxelas e Strasburgo tem umas tantas.Não é por aí…

            Fique bem.

          • zé garcia

            Sr. Lopes
            Estou esclarecido. Veja lá se a rotação à direita feita tão depressa não o deixa um pouco “mareado”. Quem já andou no mar sabe bem o desconforto.

          • António Lopes

            Sim sim…Conheço o mar chão, o encrespado ou de pequena vaga, e o mar grosso. A dedução é sua.Para perder não tenho jeito.Para ganhar , tem que ser com os Oliveirenses que, de sempre, votam preferencialmente à “direita”. Leia-se PSD.Depois, teria-mos que entrar numa grande discussão ideológica. Já se deve ter dado conta que, o meu partido está na “geringonça”. ..Já se deve ter dado conta que o único primeiro ministro, da democracia, que está indiciado por comportamentos menos dignos, é de uma “dita esquerda”.E como conheço bem essa “esquerda”, ela está, internacionalmente, na família Social Democrata..! Por aqui, o que me disseram claramente, é que agora, era a vez “dos nossos”.Isso tem alguma coisa ver com esquerda.? Estamos no início da pré campanha e clara e abertamente, quem votar em mim que não tenha nenhuma dúvida que está a votar num comunista convicto, que não está com ideias de mudar, até que já não tem idade para isso. Enganado, comigo, ninguém irá..! Vá ver a acta de 26 de Abril de 2012 da Assembleia Municipal, e lá encontrará o presidente de então, a dizer.”Sou comunista e não nego nem no bico da espada nem na boca da pistola”.Eu era esou verdadeiramente independente.Por certo sabe o significado da palavra. ” O que não depende de ninguém”..! O que não sirvo é para discurso caça voto. Então revogavam a lei que suprimiu as freguesias e… consta-lhe alguma coisa..? É a esse tipo de gente que chama de esquerda..? Esquerda de quê? E de quem? Quantos comícios de apresentação, em 2011, fez o PS aqui na zona, prometendo a construção dos ICs? Tenho quase a certeza que vai aparecer por ai uma alma a prometer, outra vez, antes das eleições.Como sabe não preciso de ser presidente de Câmara nem qualquer outro cargo.Sempre vivi do meu trabalho árduo e perigoso de mineiro.E continuo a a partir umas pedras.Nunca usufrui de nenhum dinheiro da política que continuo a doar.Ando nisto por princípios e só tenho lidado com traições e arranjismos, fora do PCP, o único, do que conheço, onde efectivamente se serve.
            A dedução do “guinanço é sua.Mas porque o meu amigo João Albuquerque sempre foi solidário comigo e porque é acto de higiene retirar o actual presidente, não excluo a hipótese de o apoiar… Comigo, não há ambiguidades.Ideologicamente conhece alguma diferença entre os PSs e os PSDs do Concelho? Conhece grandes diferenças no comportamento do dia a dia? Eu ,aquilo a que assisti, e vou denunciar até à exastão, foi a um salve-se quem puder.Tem deles que deixaram de me falar, só porque tentei alguma moralidade nas admissões e isso era contra os interesses pessoais.Veja os que mais me atacam na AM e veja onde estão, e como estão, os familiares directos.Não precisa de nomes, ou precisa..?.
            Se isso é ser de esquerda, então, venha a direita..!

          • zé garcia

            Sr. Lopes
            Volto a reafirmar-Estou esclarecido.
            Roger out.
            Nota:Para os menos conhecedores do procedimento radiotelefónico, isto não implica qualquer falta de educação, apenas e tão só, significa–recebido e compreendido, se não tem mais ,terminado.

          • António Lopes

            Não será mais, “compreendido e a desligar”..? É que, só para informação, sou especializado em telegrafia super sónica, pelo mui nobre e extinto Grupo nº1 de Escolas da Armada,Escola de Armas Submarinas, com a cota de 89,95% .

          • António Lopes

            Também, com a clareza com que eu falo..! Olhe, diga-me cá uma coisa: Se os Oliveirenses me deram a maior maioria de sempre, sabendo que eu era comunista, porque devo eu duvidar deles por serem Sociais Democratas..? Nem sequer sou eu a dar o primeiro passo..! Se eles deram um passo no sentido de confiarem em mim,tenho alguma razão para duvidar deles..? Estamos a falar de eleições autárquicas..! Vá ler as minhas intervenções na primeira sessão de cada mandato.Lá encontra, sempre, que primeiro a bandeira do Concelho.Em Outubro devo estar lá , outra vez, a repetir a “cassete”..! “A bandeira do Concelho está à frente da partidária.E, acho, tenho cumprido..! O senhor só queria confirmar, não era..? Fiz-lhe a vontade… só que…preciso que o Alexandrino diga se é candidato..!

  • António Lopes

    Post Scriptum: Fica-me bem dar uma palavra de cumprimentos e parabéns ao Senhor Eng João Paulo Pombo Albuquerque, pela sua disponibilidade para servir o Concelho, como de resto o tem vindo a fazer, com voz firme e desassombrada, ao longo dos últimos anos.Foi uma das pessoas que sempre me apoiou e comigo dos que mais denunciámos o descalabro desta “festivaleira” gestão Municipal. Desejo-lhe os maiores êxitos nesta sua candidatura.”Se por um acaso do destino, que não prevejo,não avançar com a minha candidatura, fica-me a certeza de uma candidatura combativa, para remediar os males que vêm enfermando o Concelho.

  • Carlos Simões

    Não percebi nada do que o Alexandrino disse, para que é que põem o homem a falar se ele não sabe.
    Se percebi, disse que lhe daria um gosto especial disputar estas eleições com João Paulo Albuquerque. Porque se priva o homem desse gosto especial? Que se candidate, em vez de andar perdido pelo IC6 à espera que o Costa lhe mostre a saída.
    Penso que seria uma sensaboria para o João Paulo Albuquerque disputar estas eleições com outro que não Alexandrino.
    Já agora, onde para o Lagos?

  • Rogéria Paula

    Com João Paulo na Câmara, e António Lopes na Assembleia (ou mesmo na vereação), o concelho poderá ter os objetivos para o desenvolvimento, para as pessoas que cá vivem ou cá poderão viver e menos para as festarolas e os fernando mendes e quins barreiros deste mundo.
    Um conSelho: apresentem as ideias e não necessitam bater muito no ceguinho nem nos seus (e suas) zarolhos.

  • João Dinis, Jano

    João Dinis, Jano

    Pois bem. Direi que o PSD definiu (finalmente) um bom candidato para o PSD. Sim, tem condições próprias para vir a prestar um bom serviço ao Município e, para o efeito, nem sequer é “obrigatório” que venha a ser Presidente de Câmara. Sim, vai ter alguns “curiosos” apoios pessoais…

    Mas o PSD definiu com muito atraso que outros mais do que prováveis candidatos já andam no terreno e desde o primeiro dia em que foram…eleitos ( e não indigitados como candidatos…).

    Sim, vai ter apoios curiosos

    Agora, força.

    Abraço.

    João Dinis, Jano

    • António Lopes

      Não me digas que estás a ficar ciumento..? Não é caso para tanto..! Não conheces o ditado popular que “não há sol como o de Janeiro nem amor como o primeiro”..?
      Consegues imaginar o nosso Camarada Jerónimo a dizer sim ao Costa? Achas que é “amor”..? São os ensinamentos de Lénine..!

  • Reforço

    Parece que o sr prior de Travanca, vai pedir às forças vivas da sociedade, que obriguem o PSD a retirar a candidatura de João Paulo Albuquerque. Pois, nada, mas mesmo nada, pode perturbar a reeleição de Alexandrino, de modo a que o concelho não fique num caos.

    Ámen