José Carlos Alexandrino sofre nova derrota no confronto na Justiça no caso do empreendimento turístico das Caldas de S. Paulo

José Carlos Alexandrino mostrou-se indisponível para a entrevista agendada para as 12 horas de hoje na Rádio Boa Nova

O ainda presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, mostrou-se indisponível para conceder a entrevista inicialmente agendada para as 12 horas de hoje, incluída num ciclo de entrevistas aos candidatos já assumidos às autárquicas do próximo dia 1 de Outubro. O candidato do PSD, João Paulo Albuquerque, que desde o início se mostrou disponível para ser confrontado pelos jornalistas daquela rádio, desde que fosse o último a comparecer neste ciclo, já afirmou que a sua entrevista, agendada para o próximo dia 31 (próxima quarta-feira), também não irá acontecer, a não ser que José Carlos Alexandrino conceda a sua até àquela data.

“Estou disponível para dar a entrevista a qualquer momento, nem que seja no segundo seguinte à do senhor presidente da Câmara Municipal. Nunca antes dele, porque foi isso que ficou previamente estabelecido”, explicou o candidato social-democrata ao CBS, referindo que ficou estupefacto quando hoje pelas 12 horas reparou que não havia entrevista de José Carlos Alexandrino.

“A Rádio Boa Nova nem sequer se dignou a justificar aos ouvintes o cancelamento da entrevista, como não justificou o cancelamento da visita do primeiro-ministro, António Costa, que estava agendada para anteontem, uma data que foi adiantada em primeira mão por aquela rádio. Limitaram-se a dizer-me que José Carlos Alexandrino se tinha mostrado indisponível. Sem outro argumento”, continuou João Paulo Albuquerque.

O candidato social-democrata acredita que o ainda presidente da autarquia terá recuado para fugir a algumas perguntas incómodas, particularmente as que poderiam surgir na sequência do cancelamento da visita de António Costa. “Já são incongruências a mais por parte daquele candidato. Primeiro disse que a visita do chefe do governo iria acontecer em Março. Não aconteceu. Garantiu que anunciaria a sua recandidatura ou não no dia 1 de Abril. Mais uma vez faltou à sua palavra e remeteu-se ao silêncio. Depois, em Maio, anunciou apressadamente que era candidato, mas só depois da Federação Distrital do PS no dia anterior ter anunciado o seu nome. Os munícipes que tirem as sua conclusões”, sublinhou ainda João Paulo Albuquerque, para quem estes acontecimentos apenas reforçam as suas convicções. “Esta sequência de acontecimentos só parece confirmar aquilo que tenho dito: o IC6 não passa de uma miragem. Aquela via só será concluída quando o país tiver condições financeiras, o que não acontece neste momento”, concluiu.

A Rádio Boa Nova, recorde-se, anunciou a 17 de Maio que naquele dia, quarta-feira, pelas 12 horas, seria entrevistado o candidato da coligação CDS/PP, Nuno Alves. O que de facto aconteceu. Na mesma notícia explicava que se seguiria na próxima semana (esta), nos mesmos moldes e à mesma hora, a entrevista a José Carlos Alexandrino, actual presidente da Câmara Municipal e recandidato pelo PS a um terceiro mandato. Terminando, afirmando que este ciclo seria concluído, a 31 de Maio, com o candidato PSD João Paulo Albuquerque pelo PSD.

LEIA TAMBÉM

Alexandrino acusa alguns médicos de “boicote” ao SAP “numa tentativa de ele fechar” e coloca em causa qualificação de um clínico

O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital teceu hoje duras críticas a “alguns …

Saúde em Oliveira do Hospital continua envolta em crise, utentes queixam-se e presidente da Câmara reconhece que solução não está nas mãos da autarquia

Uma utente não conseguia disfarçar a sua indignação por não ter, mais uma vez, conseguido a …

  • Joaquim Silva

    Já está a faltar tudo a Alexandrino para que continue a ser candidato.
    Muitas mentiras, muita falta de vergonha e muita falta de coragem.
    Pergunta-se, quando dará as verdadeiras justificações para estas situações.

  • António Lopes

    A menos que já não “segure as urinas”, no Salão Nobre dos Paços do Município, fui o primeiro a anunciar a minha candidatura. Há alguma declaração minha em contrário..?
    Já me privaram de exercer o cargo para que os Oliveirenses me elegeram.Será que perdi os meus direitos cívicos, ou de tão preocupados fazem por me ignorar..? A notícia da minha morte, mesmo que política, é manifestamente exagerada.Se é à vez, não devia ser eu o primeiro? Apetece-me parafrasear Mário Soares, apesar de não ser pessoa que tenha admirado: “Que raio de democracia era aquela”… Que raio de democracia é esta..? Será que há local mais solene que o Salão Nobre dos Paços do Município..? Eu, anunciei aí..TENHO DITO..!

  • Não havia necessidade!

    Há posicionamento mais assumido do que o do CBS quando escreve aqui “O ainda presidente da Câmara”?
    HÁ!!!! É o da Rádio Boa Nova de hoje… muito mais extraordinário. Um declina, o outro é um malandro, duas vezes malandro!
    AQUI A PÉROLA DA RBN: “Alegando indisponibilidade de agenda, o recandidato pelo PS José Carlos
    Alexandrino declinou o convite para entrevista que lhe foi endereçado
    pela Rádio Boa Nova, remetendo para mais tarde a
    realização da mesma. Tal facto levou também o candidato do PSD, João
    Paulo Pombo Albuquerque a recusar ser entrevistado (…) Esta
    já é a segunda vez que o candidato do PSD recusa os microfones da RBN.”

  • A TUGA

    Isto parece a Madeira…

    O José Manuel Coelho…. fala, fala e fala, mas ninguém lhe liga…

  • António Lopes

    ——— Mensagem encaminhada ———-
    De: Oliveira Hospital
    Data: 25 de maio de 2017 às 16:14
    Assunto: Correio da Beira Serra
    Para: “[email protected]

    Sr. Lopes,

    A bem do regime democrático que apregoa, peça lá ao seu jornalista para publicar o meu comentário, afinal têm medo de quê?

    Cumprimentos,

    “Caro jornalista,

    O ainda não candidato António Lopes anda a pressioná-lo em demasia.

    O seu primeiro parágrafo evidencia a forma como o blog o está posicionado – nota-se que o que pretende não é aquele blábláblá do Lopes que um órgão de comunicação social deve ser o contrapoder e não fazer publicidade…. O que estão a fazer é campanha/publicidade ao Pombo!

    Poderia questionar por exemplo por que razão é que o Pombo quer ser o último entrevistado. Tem medo de alguma coisa, ou quer aprender com as ideias que já foram apresentadas pelos outros candidatos?

    Na entrevista do Nuno Alves ouvimos algumas ideias, muito mais do que aquelas que foram apresentadas pelo PSD nos últimos meses.

    É preciso é trabalho e não ficar dias e dias a fio agarrado ao computador a criticar o trabalho que os outros fazem”.

    ESCLARECENDO:

    Como tenho uma grande pachorra e elevada cultura democrática, apesar do Senhor não ter coragem de se identificar, mas se achar no direito de poder ofender toda a gente e o jornalista, deste jornal, e porque o mesmo lhe responderá quando e se tiver a coragem de se identificar, eu, animado pelas premissas acima descritas, respondo-lhe:

    Eu, anunciei, faz tempo (faltei as 3 últimas assembleias…),a minha candidatura no Salão Nobre dos Paços do Município.

    Quero pensar que não tem a pretensão se gerir os meus tempos nem as minhas estratégias. Ou tem..? Mesmo que tenha, é tempo perdido.Sou dono de mim mesmo.Não dependo da política em nada da minha vida, a não ser no que ela me impõe , a mim e a todos nós. Também no dever de dar o contributo.

    O meu partido de sempre, ainda não apresentou candidato e um responsável de topo, faz um tempo, questionou-me se o queria ser. É publico que tenho por objectivo, por ser obrigação moral, contribuir para que o actual presidente deixe de o ser.Não pela revanche que alguns pretendem, mas por estar piamente convencido que não é a melhor solução. Pelo meu partido e porque ainda há muito preconceito, não será fácil conseguir o objectivo.Logo há que equacionar todas as possiblidades.Como ensinou Maquiavel, no sua “bíblia dos políticos”, “O Principe”,os fins justificam os meios..!

    Teria sido mais confortável deixar andar, assinar a ficha que me meteram à frente e bater palmas.Só que, gosto demais deste Concelho, para me remeter a hipocrisias , passividades e arranjismos.

    O Bloco, que é hoje o terceiro partido, também ainda não disse nada.

    Fui marinheiro.Não sou “paraquedista da politica”.Os Oliveirenses, para o bem e para o mal, conhecem-me bem. Nem por estar a 3300 KM e com muitas milhas de mar pelo meio e trabalho para meia dúzia nada me impede de ser um dos mais activos políticos do Concelho.

    Não sou do tal bla bla. Quase diariamente, digo o que está mal e o que faria e quis fazer, em alternativa.

    Por isso, respondendo aos Oliveirenses que possam ter as suas duvidas, reservas, e curiosidade sobre o assunto, que só por si não me dava ao trabalho, pois quem critica sem se identificar não merce resposta,fica aqui a minha actual posição.Quando estiverem todos no terreno, perfeitamente identificados, logo se faz o que tem que ser feito.

    Convites, felizmente, é coisa que não me tem faltado. Projecto próprio também há.Conheço muito bem os adversários do momento e o que tem gasto na campanha permanente, de moral mais que duvidosa.Sei que também leram o livro .Mas, como disse, a minha luta é por Oliveira. Os meus interesses pessoais estão perfeitamente identificados.SERVIR. TUDO POR OLIVEIRA DO HOSPITAL.

    Esclarecido?Identifique-se . Chame os nomes que quiser, lave a roupa que encontrar, diga as “bacoradas” que lhe apetecer. Garanto-lhe que tem resposta e publicação.

    António dos Santos Lopes

    • Ai que azia

      O Pombo andou contigo na escola? Até parece que lida tu cá, tu lá com ele. Tenha educação seu mal educado.
      Estava mal o Eng. JPA se estivesse à espera das ideias de idiotas. Lê as entrevistas dele que estão escritas em vários jornais e vê quem é que copia ideias.
      Ao dentista só faltou dizer que votava no JCA, também depois de ouvir da boca do Advogado Lagos na sua apresentação que o melhor candidato era o JCA, não se esperava outra coisa- Se prestasse tinha saído imediatamente da sala.
      O professor primário Alexandrino usa meias verdades e muitas mentiras, o que obriga a que sejam desmentidas e desmascaradas. Só o Engenheiro Mestre Albuquerque o faz, e só o pode fazer se falar depois do professor.
      Percebes a azia do idiota.

  • António Lopes

    Tens alguma Paulo? Para ti, faz-se um desconto. Não me digas que também estás à espera de um lugar elegível na Assembleia Municipal? Como sabes, eu conheço os meandros.Tem pelo menos dois que andam numa azáfama para ficarem em lugar elegível… não te digo nada..! E como sei a preocupação deles, há quatro anos, até daqui de Cabo Verde os topo.Tenho-me fartado de rir sozinho.Não me digas que vais ser o terceiro a entrar na corrida..?
    Então olha lá.Nós temos alguma culpa que o Alex tenha condicionado a candidatura ao IC? Temos alguma culpa que ele tenha anunciado para um de Abril e ficasse a marcar passo? Temos alguma culpa que o Costa leve três meses de Lisboa aqui? Temos alguma culpa que as empresas se instalem nos arredores porque o nosso executivo só tem agenda para festas? Paulo, queres que a gente minta? Já te esqueceste como o Barreto chagava o juízo ao Mario Alves, só porque via um saco de plástico no pinhal ou um placa sem parafuso na esquina de uma rua? Se como dizem a Câmara governou bem, fica descansado.Até já ouvi falar em 7-0 Não te enerves.Não vale a pena.

    Como és bom moço, um abraço grande. E malha na gente.Não te encolhas…