Terminou há poucos minutos a conferência de imprensa do PSD de Oliveira do Hospital.

José Carlos Mendes não se demite do PSD e promete elaborar as listas para as autárquicas de 2009

Num discurso politicamente corrosivo, o líder local do partido, José Carlos Mendes, formulou fortes críticas ao presidente da Câmara de Oliveira do Hospital, Mário Alves, ao seu número dois, Paulo Rocha, e ainda ao presidente da distrital, Pedro Machado.

Para já uma coisa é certa: Mendes vai continuar a ser o presidente do partido, e decidiu solicitar ao Conselho Jurisdicional (CJ) do PSD a anulação do acto da comissão política distrital, quanto à aprovação do nome de Mário Alves como candidato à presidência da Câmara de Oliveira do Hospital.

Se o CJ não vier a dar provimento à solicitação da concelhia do PSD oliveirense, Mendes promete avançar para o Tribunal Constitucional, e deixa claro que é à concelhia do partido que compete organizar todo o processo relacionado com a elaboração das listas de candidatos.

Esta é uma informação que o correiodabeiraserra.com actualizará ainda durante esta noite.

LEIA TAMBÉM

Nova liderança da JSD de Oliveira do Hospital quer colocar problemas dos jovens na agenda política local

Virgílio Salvador, de 26 anos, foi eleito no domingo presidente da Juventude Social Democrata de …

«Castração» política em Oliveira do Hospital. Autor: João Cruz

Passados 44 anos após o 25 de Abril de 1974, vive-se hoje em Oliveira do …