Terminou há poucos minutos a conferência de imprensa do PSD de Oliveira do Hospital.

José Carlos Mendes não se demite do PSD e promete elaborar as listas para as autárquicas de 2009

Num discurso politicamente corrosivo, o líder local do partido, José Carlos Mendes, formulou fortes críticas ao presidente da Câmara de Oliveira do Hospital, Mário Alves, ao seu número dois, Paulo Rocha, e ainda ao presidente da distrital, Pedro Machado.

Para já uma coisa é certa: Mendes vai continuar a ser o presidente do partido, e decidiu solicitar ao Conselho Jurisdicional (CJ) do PSD a anulação do acto da comissão política distrital, quanto à aprovação do nome de Mário Alves como candidato à presidência da Câmara de Oliveira do Hospital.

Se o CJ não vier a dar provimento à solicitação da concelhia do PSD oliveirense, Mendes promete avançar para o Tribunal Constitucional, e deixa claro que é à concelhia do partido que compete organizar todo o processo relacionado com a elaboração das listas de candidatos.

Esta é uma informação que o correiodabeiraserra.com actualizará ainda durante esta noite.

LEIA TAMBÉM

Líder parlamentar do PSD questiona António Costa sobre a reconstrução das casas afectadas pelos incêndios.

O líder parlamentar do PSD, Fernando Negrão, pediu ontem explicações ao primeiro-ministro sobre o reduzido número …

Presidente da Câmara de Oliveira do Hospital garante verba ainda desconhecida para reconstrução das segundas habitações depois de questionado pelo vereador do PSD

O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, disse hoje que …