José Francisco Rolo quer um PS “mais ágil e mais organizado”

“Tornar o partido mais ágil e mais organizado”. Este é o primeiro desafio a que se propõe o presidente da Comissão Política Concelhia (CPC) do PS de Oliveira do Hospital, que coloca “a reorganização interna” da estrutura partidária no topo das suas prioridades.

Reconduzido na liderança do PS oliveirense – em eleições realizadas no último sábado – José Francisco Rolo pretende igualmente reforçar a implantação do partido no concelho. “Queremos ter maior presença no terreno e reforçar o número de militantes”, explicou ao correiodabeiraserra.com, ao mesmo tempo que, defendeu uma “articulação permanente com os eleitos sociais nos vários órgãos autárquicos concelhios”.

O executivo camarário liderado por José Carlos Alexandrino e no qual José Francisco Rolo ocupa o lugar de vice-presidente, também merece a atenção do reeleito presidente do PS oliveirense, com o próprio a manifestar “permanente solidariedade” com a equipa camarária.

“O PS já deu provas, quando aprovou um voto de solidariedade relativamente à luta que o presidente encabeçou pela construção dos Itinerários Complementares na região”, referiu.

No leque de objectivos a concretizar, Rolo inclui ainda o relançamento do Fórum “Oliveira do Hospital tem futuro”, coordenado por João Nunes e que visa promover o debate sobre várias áreas de relevância para o concelho de Oliveira do Hospital.

Com as eleições presidenciais à vista, o presidente do PS oliveirense segue a orientação de apoio a Manuel Alegre já tornada pública pela estrutura nacional. “Estamos de porta aberta e com espírito de militância para estarmos ao lado do candidato”, frisou.

“A Comissão Política está valorizada e reforçada”

Eleita com o voto de 90 militantes, de um total de 343 que se encontravam em condições de votar, a lista A – única a sufrágio – reúne um conjunto de 41 elementos, dos quais 17 são novos membros na CPC e 13 são mulheres.

“Dá-nos satisfação cumprir a lei da paridade”, observou o presidente da estrutura, revelando-se igualmente satisfeito pelo facto de o segundo lugar na Concelhia ser ocupado por Carlos Maia.

“É um autarca experiente e um militante que deu grandes provas de combatividade e frontalidade na acção política”, sentenciou, ao mesmo tempo que valorizou a presença de Paulo Campos na equipa. “É um reforço da qualidade desta lista”, observou, esclarecendo que a nova equipa comporta pessoas de “vários tipos de proveniência e com diferentes experiências”. Não tem por isso dúvidas em afirmar que a “Comissão Política está valorizada e reforçada”.

Sem deixar de apreciar o contributo de Pedro Campos (mandatário da lista), Margarida Veiga (mandatária para a juventude) e de João Nunes (futuro coordenador do fórum), José Francisco Rolo valorizou também o empenho de todos os que integram o novo projecto partidário, considerando estar perante uma equipa “motivada para trabalhar”.

Ainda que compreenda a reduzida afluência de militantes ao acto eleitoral que se realizou no último sábado – participaram 92 militantes, com 90 votos a favor e dois brancos – José Francisco Rolo não deixa de sublinhar que “gostava que tivesse sido superior”. Justifica, contudo, a baixa participação com o facto de se ter tratado de uma “eleição pacífica”, devido à existência de uma lista única.

Reconduzido no lugar de presidente, Rolo recorda que se tratou de uma participação “ao nível da que foi registada há dois anos”, em que votaram 102 militantes. De lado deixa a possibilidade de desinteresse por parte dos militantes. “Há vontade de participar e, nas eleições ocorridas em 2009, ficou clara a dedicação dos militantes”, observou.

Conheça aqui os 41 elementos que integram a nova CPC do PS

LEIA TAMBÉM

Incêndios adiam da tomada de posse do executivo da autarquia oliveirense

A catástrofe que se abateu sobre Oliveira do Hospital, com os incêndios, levou a uma …

Incêndio

Anda tudo a gozar connosco!!! Autor: Luís Lagos

Anda tudo a gozar connosco!!! Eu estou absolutamente farto!!! Fartinho!!! Haverá quem leia este post …